Mais um homem é preso por ejacular em ônibus. Divulgar ajuda a combater ou incentiva a prática?

A Fórum quer provocar a reflexão sobre a seguinte questão: você acha que a propagação desse tipo de atitude contribui para que isso seja combatido ou acaba fazendo publicidade da prática?

803 0

A Fórum quer provocar a reflexão sobre a seguinte questão: você acha que a propagação desse tipo de atitude contribui para que isso seja combatido ou acaba fazendo publicidade da prática?

Da Redação

Uma clara manifestação de violência sexual está se tornando mais frequente nos transportes públicos do país. Mais uma vez, um homem foi preso, depois de ejacular em uma mulher dentro de um ônibus, desta vez em São Bernardo do Campo, região do ABC. Identificado como Raimundo Gonçalves Coelho, ele tem 60 anos e é aposentado.

A Fórum quer discutir o tema com os leitores. A ideia é refletir sobre a questão se a divulgação desse tipo de atitude, que é considerada estupro pela lei brasileira, ajuda no combate a esse crime ou acaba fazendo publicidade da prática. Nos próximos dias vamos entrevistar algumas pessoas para abordar o assunto. Mas antes disso, queremos ouvir os leitores.

No caso do ABC, Raimundo se masturbou dentro de um ônibus cheio e ejaculou na roupa de uma passageira, que prestou queixa do fato. O aposentado tentou fugir, mas o motorista fechou as portas do veículo, que estava em um terminal da cidade. Uma viatura da Polícia Militar estava passando pelo local e foi chamada para atender à ocorrência.

O aposentado vai ficar preso por estupro e a blusa suja da vítima ficou apreendida na delegacia e deve passar por uma perícia. Em depoimento ao delegado, Raimundo afirmou que praticou o ato porque sofre com problemas na próstata.

O crime aconteceu poucos dias depois que Diego Ferreira de Novais, preso duas vezes na última semana por cometer abusos em ônibus na região da Avenida Paulista, em São Paulo, ser condenado a dois anos de prisão, por outro crime semelhante que cometeu em 2013.

Foto: Reprodução/TV Record

 



No artigo

x