Gilmar pedirá anulação de provas contra Temer e Aécio

Ministro defende a tese de que delações foram armadas por Rodrigo Janot. Da Redação Em sessão do Supremo Tribunal Federal, que acontece nesta quarta...

758 0

Ministro defende a tese de que delações foram armadas por Rodrigo Janot.

Da Redação

Em sessão do Supremo Tribunal Federal, que acontece nesta quarta (13), o ministro Gilmar Mendes encaminhará um pedido de discussão para anular as provas da JBS contra Michel Temer. Será discutida também a suspeição de Rodrigo Janot, que está prestes a apresentar uma segunda denúncia contra Michel Temer.

Leia também: Gilmar diz ter certeza de que foi gravado por Joesley

Gilmar defende a tese de que as delações foram armadas por Janot, segundo informou a coluna de Merval Pereira, em O Globo. Tanto o procurador, quanto juristas, avaliam que a provas continuam válidas, mesmo que os delatores percam seus benefícios.

Entre as provas que podem ser anuladas, estão o diálogo em que Michel Temer avaliza a compra do silêncio de Eduardo Cunha e Lúcio Funaro, a entrega de uma mala com R$ 500 mil a Rodrigo Rocha Loures e também as entregas de R$ 2 milhões em dinheiro vivo a Fred Pacheco, primo do senador Aécio Neves (PSDB-MG).

Nesta segunda, a Polícia Federal concluiu o relatório em que aponta Michel Temer como líder do “quadrilhão do PMDB”, onde recebeu R$ 31,5 milhões em propinas.

*com informações da coluna de Merval Pereira em O Globo
Foto: Anderson Riedel/ VPR



No artigo

x