Bonner passa por cima de direitos e vai trabalhar de cadeira de rodas

Na ânsia por agradar a família Marinho, o apresentador e editor-chefe do Jornal Nacional ignora direitos básicos e provoca saia justa entre colegas. Da Redação*...

1938 0

Na ânsia por agradar a família Marinho, o apresentador e editor-chefe do Jornal Nacional ignora direitos básicos e provoca saia justa entre colegas.

Da Redação*

O editor-chefe e apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, tem trabalhado desde o dia 11 de setembro com o pé direito quebrado.

A fratura aconteceu no dia 05 de setembro, correndo na lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio.

Ele estaria usando até cadeira de rodas para se locomover, o que gerou mal-estar entre os colegas de profissão.

Bonner disse que terá de usar bota ortopédica e muletas por oito semanas, mas voltou rapidamente ao trabalho, poucos dias após o acidente, sendo que poderia ficar afastado por, pelo menos, duas semanas, que é o período de férias dos apresentadores.

A sua atitude fere a legislação trabalhista e coloca seus colegas de profissão em uma saia justa. O fato de ser chefe e o profissional com maior visibilidade do jornalismo da emissora praticamente exige de todos os colegas o mesmo “empenho” e “sacrifício”.

Segundo rumores na Globo, Bonner não quer ficar de fora da cobertura política do país em um momento tão tenso.

Veja tuíte de Bonner no dia em que teve a fratura:

*Com informações do Catraca Livre

Foto: Divulgação Rede Globo



No artigo

x