“Haters” do futebol estão na mira do Ministério Público de SP

Mauro Cezar Pereira, comentarista da ESPN, é uma das vítimas e entregou um pen drive às autoridades contendo provas de xingamentos, ofensas e ameaças.

702 0

Mauro Cezar Pereira, comentarista da ESPN, é uma das vítimas e entregou um pen drive às autoridades contendo provas de xingamentos, ofensas e ameaças.

Da Redação

Brigas e agressões que já são comuns nos estádios de futebol, estão cada vez mais frequentes nas redes sociais. Por isso, o Núcleo de Combate a Crimes Cibernéticos, do Ministério Público de São Paulo promete dar uma atenção especial ao tema.

Ofensas e ameaças praticadas por torcedores na internet estão na mira do MP, que pretende identificar e investigar os famosos “haters”, em tradução livre, odiadores. O comentarista da ESPN, Mauro Cezar Pereira é uma das vítimas desses usuários e graças à sua denúncia, um primeiro inquérito já foi aberto nesse sentido.

O comentarista encaminhou ao Ministério Público um pen drive, contendo provas de ofensas, xingamentos e ameaças sofridas por ele nas redes sociais, segundo informações de Gabriela Moreira, blogueira da própria ESPN.

Quem coordena este núcleo do MP de São Paulo é o procurador Paulo Marco Ferreira Lima e, para ele, esse comportamento dos haters na internet não pode ser ignorado. “O mundo virtual não pode ser entendido como terra de ninguém. Muitos acham que faz parte do jogo, mas precisamos combater a violência de torcedores de um modo geral. O caso do Mauro está longe de ser o único”, afirmou.

O Ministério Público pretende, após identificar, chamar os agressores a depor na delegacia. “Pelo material trazido já podemos identificar crimes de ameaça e outras condutas passíveis de ações penais”, apontou.

*com informações de Gabriela Moreira, blogueira da ESPN
Foto: Reprodução/YouTube Placar



No artigo

x