Wagner Moura pede que autoridades não ajam com violência contra ocupação do MTST

De acordo com o ator, “são mais de sete mil famílias que estão na ocupação e as autoridades têm o dever de negociar com as lideranças do MTST e de tratar essas pessoas com o respeito e a dignidade que elas merecem”

688 0

De acordo com o ator, “são mais de sete mil famílias que estão na ocupação e as autoridades têm o dever de negociar com as lideranças do MTST e de tratar essas pessoas com o respeito e a dignidade que elas merecem”

Da Redação

O ator Wagner Moura fez apelo em vídeo para que as autoridades “negociem, encontrem uma solução pacífica e não ajam com violência contra a ocupação do MTST em São Bernardo do Campo”.

O ator lembrou que são brasileiros e brasileiras que estão lutando pelo direito a moradias dignas.

De acordo com Wagner Moura, “são mais de sete mil famílias que estão na ocupação e as autoridades têm o dever de negociar com as lideranças do MTST e de tratar essas pessoas com o respeito e a dignidade que elas merecem”, finaliza.

Foto: Ministério da Cultura



No artigo

x