Instituto em que Gilmar Mendes palestrava é alvo de chuva de tomates podres

Grupo de direita organizou protesto contra o ministro do STF, acusado de soltar “os amigos” que foram presos pela Lava Jato Por Redação O...

2900 0

Grupo de direita organizou protesto contra o ministro do STF, acusado de soltar “os amigos” que foram presos pela Lava Jato

Por Redação

O grupo “Tomataço” – com viés “patriótico” e de direita – fez uma manifestação na manhã desta segunda-feira (9) em frente ao Instituto de Direito de São Paulo (IDP) conta Gilmar Mendes. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) palestrava no local.

Foram lançados contra a porta do instituto centenas de tomates podres. Os manifestantes gritavam palavras de ordem contra Gilmar Mendes, acusado por eles de beneficiar seus “amigos”.

“Ei Gilmar, me diz por que você sempre solta seus amigos e os amigos do poder”, entoavam os manifestantes. Eles defendem ainda, de forma vaga, a “renúncia de todos”.

Gilmar, por sua vez, após a palestra, disse que não viu nem os tomates e nem os manifestantes.

 

 



No artigo

x