Deputado diz na tribuna que ACM Neto é igual a Aécio e Geddel

Jorge Solla diz há provas de que o prefeito de Salvador, em troca do superfaturamento de uma obra na Barra, recebeu R$ 2,2 milhões, sendo R$ 1,8 milhão em malas de dinheiro.

862 0

Jorge Solla diz há provas de que o prefeito de Salvador, em troca do superfaturamento de uma obra na Barra, recebeu R$ 2,2 milhões, sendo R$ 1,8 milhão em malas de dinheiro.

Da Redação

O deputado federal Jorge Solla (PT), em pronunciamento na tribuna do Congresso Nacional, na última quarta-feira (8), fez duras acusações contra o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM), igualando o político baiano a Aécio Neves (PSDB) e Geddel Vieira Lima. Solla cobrou que a Justiça investigue a denúncia de André Vital, dirigente da Odebrecht, de que teria dado propina para financiar a campanha de ACM Neto.

O deputado do PT diz que, além do depoimento do empresário, há provas de que o prefeito de Salvador, em troca do superfaturamento de uma obra na Barra, teria recebido R$ 2,2 milhões, sendo R$ 1,8 milhão em malas de dinheiro, tal como teria ocorrido com Aécio e Geddel.

Foto: Fotos Públicas



No artigo

x