“A Globo é a catedral da iniciativa privada brasileira”, diz Pedro Bial

O apresentador assumiu, em entrevista, que “a relação entre a Globo e o Brasil está longe de ser tranquila” Por Redação O apresentador da...

1279 0

O apresentador assumiu, em entrevista, que “a relação entre a Globo e o Brasil está longe de ser tranquila”

Por Redação

O apresentador da Globo, Pedro Bial, em entrevista à versão brasileira do El País que foi divulgada nesta quarta-feira (6), falou sobre as atuais polêmicas envolvendo sua emissora e analisou de forma contundente o que o maior veículo de comunicação do país representa com relação ao atual momento político.

Para Bial, a Globo é “a catedral da iniciativa privada brasileira” e sua relação com a sociedade “espelha as tensões entre o grande capital e o Estado”.

“A relação entre a Globo e o Brasil está longe de ser tranquila. É uma relação que espelha as nossas tensões entre o grande capital e o Estado. A Globo é a catedral da iniciativa privada brasileira”, afirmou.

Há mais de 30 anos na Globo, o jornalista falou ainda, na entrevista, sobre o recente caso de assédio envolvendo o ator José Mayer e a relação do fato com a nova onda feminista no Brasil, que ele disse considerar “radical”.

“Eu não me considero um cara feminista. Estou com as mulheres, mas acho a última onda do feminismo muito radical. Mas também reconheço que a emancipação feminina libertou inclusive a nós homens, significativamente. É muito difícil ser mulher, historicamente. Você entende por que é preciso existir um dia internacional da mulher, mas eu tenho dois filhos e sei o quanto é difícil ser homem, ser, por exemplo, viril, sem ser grosseiro”, pontuou.

*Com informações do El País

 



No artigo

x