“Um mundo sem Globo não é só possível, mas necessário”, afirma Dilma Rousseff

Ex-presidenta defendeu a redução do poder da família Marinho sobre a vida do País: “Nós não podemos continuar com uma mídia controlada por quatro ou cinco famílias”.

3452 0

Ex-presidenta defendeu a redução do poder da família Marinho sobre a vida do País: “Nós não podemos continuar com uma mídia controlada por quatro ou cinco famílias”.

Da Redação*

A ex-presidenta Dilma Rousseff defendeu a redução do poder da família Marinho sobre a vida do País. Em entrevista à TV 247, Dilma avaliou que o Brasil seria melhor sem a Globo. “Nós não podemos continuar com uma mídia controlada por quatro ou cinco famílias, que impedem que se faça o que é normal em qualquer segmento econômico e social, que é a regulação econômica, para impedir que haja concentração. E no caso da informação, a concentração é gravíssima, que é pegar uma concessão de televisão e vender uma versão só”, afirmou.

Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais.

“Um mundo sem Globo não só é possível, é necessário”, acrescentou Dilma, emendando que foi vítima nos dois golpes apoiados pela Globo, em 1964, no qual foi presa e torturada, e em 2016, quando perdeu o mandato sem comprovação de crime de responsabilidade.

*Com informações do Brasil 247

Foto: Divulgação

 

 



No artigo

x