ASSISTA
15 de junho de 2014, 16h59

Aécio Neves não tira foto com seus correligionários

Bonecos de papelão substituíram a imagem do candidato tucano em convenção de lançamento da sua candidatura

Bonecos de papelão substituíram a imagem do candidato tucano em convenção de lançamento da sua candidatura

Por Redação

aecio

“O candidato quer conversar com o povo, mas parece que não gosta muito do contato corpo a corpo”, comentou Ana Júlia Carepa (Reprodução/Facebook)

No sábado (14), uma convenção realizada em São Paulo confirmou a candidatura de Aécio Neves (PSDB) à Presidência da República. O tucano discursou ao lado de outros líderes do partido, mas se recusou a posar para fotos com seus correligionários.

Para substituir a imagem de Aécio nas fotografias, o comitê da campanha improvisou com bonecos de papelão. Dessa forma, os admiradores do candidato não ficariam sem uma lembrança da convenção.

Nas redes sociais, a foto de papelão de Aécio foi criticada. “O candidato quer conversar com o povo, mas parece que não gosta muito do contato corpo a corpo”, comentou Ana Júlia Carepa (PT), ex-governadora do Pará.