Imprensa livre e independente
19 de fevereiro de 2016, 15h17

“Agora é oficial! Pernambuco tem sua própria família real”, dispara neta de Miguel Arraes

Marília Arraes, vereadora pelo PSB do Recife, criticou nas redes sociais a nomeação dos filhos de Eduardo Campos - seu primo - para cargos públicos no estado como a chefia de gabinete do governo

Marília Arraes, vereadora pelo PSB do Recife, criticou nas redes sociais a nomeação dos filhos de Eduardo Campos – seu primo – para cargos públicos no estado como a chefia de gabinete do governo Por Redação A vereadora do Recife Marília Arraes (PSB), primeira neta do ex-governador Miguel Arraes, criticou, nas redes sociais, a nomeação dos filhos de Eduardo Campos – seu primo morto em 2014 – para cargos públicos no governo do estado. “Agora é oficial! Pernambuco tem sua própria Família Real. Ou seria a reedição do clã Kennedy no nosso Estado?”, postou nas suas contas do Facebook e Twitter. Apesar...

Marília Arraes, vereadora pelo PSB do Recife, criticou nas redes sociais a nomeação dos filhos de Eduardo Campos – seu primo – para cargos públicos no estado como a chefia de gabinete do governo

Por Redação

A vereadora do Recife Marília Arraes (PSB), primeira neta do ex-governador Miguel Arraes, criticou, nas redes sociais, a nomeação dos filhos de Eduardo Campos – seu primo morto em 2014 – para cargos públicos no governo do estado. “Agora é oficial! Pernambuco tem sua própria Família Real. Ou seria a reedição do clã Kennedy no nosso Estado?”, postou nas suas contas do Facebook e Twitter.

Apesar de ser do mesmo partido que seu primo e seu vô, Marília está em conflito com o PSB desde 2014, quando teve sua candidatura para deputada federal inviabilizada pela legenda e declarou apoio a candidaturas petistas.

Na última quinta-feira (18), tornou-se público que os filhos de Eduardo Campos, João Campos e Maria Eduarda, seriam nomeados para cargos públicos do estado. João, de 22 anos, será o novo chefe de Gabinete do governo, mesmo cargo ocupado por seu pai no segundo governo de Miguel Arraes, entre 1987 e 1990. Já Maria Eduarda foi indicada para ser gerente no Instituto Pelópidas Silveira, da prefeitura do Recife.

Veja também:  Ex-presidente de Egito, Mohamed Mursi morre em plena audiência que tratava do seu caso

Foto: Reprodução/Facebook

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum