16 de janeiro de 2018, 08h04

Ala jovem do MDB vai pedir expulsão de Cabral e Cunha

Caso os dois políticos, presos em decorrência da Lava Jato, continuem filiados, “passarão por esse constrangimento de terem a expulsão solicitada”, afirma Assis Filho, presidente da Juventude do partido.

Caso os dois políticos, presos em decorrência da Lava Jato, continuem filiados, “passarão por esse constrangimento de terem a expulsão solicitada”, afirma Assis Filho, presidente da Juventude do partido. Da Redação* A ala jovem do MDB pedirá a expulsão do ex-deputado Eduardo Cunha e do ex-governador Sérgio Cabral, caso os dois membros do partido não tomem a iniciativa de pedir a desfiliação nas próximas semanas. “A saída deles é uma forma de oxigenar o partido e mostrar à sociedade que não comungamos dessas práticas”, diz Assis Filho, presidente da Juventude do MDB. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, na...

Caso os dois políticos, presos em decorrência da Lava Jato, continuem filiados, “passarão por esse constrangimento de terem a expulsão solicitada”, afirma Assis Filho, presidente da Juventude do partido.

Da Redação*

A ala jovem do MDB pedirá a expulsão do ex-deputado Eduardo Cunha e do ex-governador Sérgio Cabral, caso os dois membros do partido não tomem a iniciativa de pedir a desfiliação nas próximas semanas. “A saída deles é uma forma de oxigenar o partido e mostrar à sociedade que não comungamos dessas práticas”, diz Assis Filho, presidente da Juventude do MDB. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo.

Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais.

O assunto será discutido pelo grupo em março. Caso até lá os dois políticos, presos em decorrência da Lava Jato, continuem filiados, “passarão por esse constrangimento de terem a expulsão solicitada””, afirma o líder partidário.

A Juventude foi a responsável por pedir a expulsão dos senadores Kátia Abreu (TO) e Roberto Requião (PR), por infidelidade. O conselho de ética da legenda aprovou o desligamento dela e analisa o dele.

*Com informações da Folha de S.Paulo e do Brasil 247

Foto: Reprodução Twitter e José Cruz/Agência Brasil