19 de junho de 2015, 16h38

Ao vivo, Boechat responde Malafaia: “Vai procurar uma rola”

Na manhã desta sexta-feira (19), o jornalista se defendeu das provocações do pastor, que o acusou de "falar asneira no programa de rádio". "Não me enche o saco. Você é um idiota, um paspalhão, um pilantra, tomador de grana de fiel, explorador da fé alheia", reagiu o apresentador. Ouça

Na manhã desta sexta-feira (19), o jornalista se defendeu das provocações do pastor, que o acusou de “falar asneira no programa de rádio”.  “Não me enche o saco. Você é um idiota, um paspalhão, um pilantra, tomador de grana de fiel, explorador da fé alheia”, reagiu o apresentador. Ouça

Por Redação

Em seu programa na rádio BandNews FM, o jornalista Ricardo Boechat respondeu, na manhã desta sexta-feira (19), a provocações feitas pelo pastor Silas Malafaia no Twitter. “Ô, Malafaia, vai procurar uma rola”, disse, durante a transmissão.

Mais cedo, Malafaia havia desafiado Boechat por meio da rede social a um “debate” para que ele “parasse de falar asneira”, chamando-o ainda de “falastrão”. Segundo o religioso, o jornalista teria dito, nesta semana, que pastores evangélicos “incitam fieis a praticar a intolerância”, em meio a comentário sobre o caso da menina de 11 anos apedrejada no Rio de Janeiro por vestir trajes do Candomblé.

Boechat, então, defendeu-se. “Ô, Malafaia, vai procurar uma rola, vai. Não me enche o saco. Você é um idiota, um paspalhão, um pilantra, tomador de grana de fiel, explorador da fé alheia. E agora vai querer me processar pelo que eu acabei de falar, porque é isso que você faz. Você gosta muito de palanque, e eu não vou te dar palanque porque você é um otário”, afirmou.

A resposta do apresentador não parou por aí. “Em nenhum momento – é pegar as minhas falas que estão todas gravadas – eu disse qualquer coisa que generalizasse esse comentário. Até porque, diferente de você, não sou um idiota. Você é homofóbico, uma figura execrável, horrorosa, e que toma dinheiro das pessoas a partir da fé”, adicionou.

“Eu não sou rico porque tomei dinheiro das pessoas pregando salvação depois da morte. O meu salário, meus bens, meus patrimônios vieram do meu suor, não do suor alheio”, completou Boechat. “Você é um charlatão, cara, que usa o nome de deus, de cristo para tomar dinheiro de fieis. Você é tomador de grana, você e muito outros.”

Para finalizar, o âncora do Jornal da Band garantiu não temer represálias orquestradas por Malafaia. “Não tenho medo de você não, seu otário. Vai procurar uma rola, repetindo em português bem claro.”

Ouça: