Imprensa livre e independente
26 de junho de 2016, 10h10

Ataque com carro-bomba na Somália deixa ao menos 7 mortos e 10 feridos

O carro-bomba explodiu na entrada de um hotel em Mogadíscio, na Somália, neste sábado (25). Sete pessoas morreram e dez ficaram feridas.

O carro-bomba explodiu na entrada de um hotel em Mogadíscio, na Somália, neste sábado (25). Sete pessoas morreram e dez ficaram feridas. Por redação Neste sábado (25), um carro-bomba explodiu na entrada de um hotel na capital da Somália, Mogadíscio. Testemunhas afirmam que logo após a explosão, homens armados entraram no hotel e atiraram aleatoriamente. Minutos mais tarde, com a chegada da polícia, houve troca de tiros. O tiroteio e a explosão mataram 7 pessoas e feriram outras 10. Até agora, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque, mas as autoridades acreditam que a ação seja obra do grupo terrorista...

O carro-bomba explodiu na entrada de um hotel em Mogadíscio, na Somália, neste sábado (25). Sete pessoas morreram e dez ficaram feridas.

Por redação

Neste sábado (25), um carro-bomba explodiu na entrada de um hotel na capital da Somália, Mogadíscio. Testemunhas afirmam que logo após a explosão, homens armados entraram no hotel e atiraram aleatoriamente. Minutos mais tarde, com a chegada da polícia, houve troca de tiros.

O tiroteio e a explosão mataram 7 pessoas e feriram outras 10. Até agora, nenhum grupo reivindicou a autoria do ataque, mas as autoridades acreditam que a ação seja obra do grupo terrorista Al Shabaab.

O grupo radical islâmico tem sede na Somália e apresenta relações com a organização terrorista Al Qaeda. As suspeitas de que o grupo esteja por trás dos ataques surgiram devido a similaridade deste evento com outro reivindicado pelo grupo no começo de junho, quando outro hotel foi atacado por carro-bomba e invadido por homens armados. Na ocasião, dois parlamentares e outras 15 pessoas morreram.

Atualmente, muçulmanos jejuam pelo Ramadã, nono mês do calendário islâmico, no qual Maomé teria recebido as revelações de Alá. Nesse período, os ataques de grupos extremistas se intensificam, o movimento pode ser observado não só na Somália, mas em outros países de conflitos étnico-religiosos.

Veja também:  O presidente e suas muletas discursivas

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum