Blog do Rovai

13 de outubro de 2014, 21h20

Dilma ensaia virada e PT pode ganhar primeira eleição pela esquerda

Se vier a ser reeleita, Dilma terá esses novos atores como seus credores políticos, tanto os movimentos sociais quanto para o PSoL e a militância petista

jean willysO resultado do Vox Populi anunciado há pouco (51 a 49) para Dilma, mas os dois trackings que este blogue anunciou em primeira mão no último post, apontam uma nova reviravolta nas eleições presidenciais. Dilma teria conseguido assimilar uma primeira semana de segundo turno bastante ruim tanto por conta do vazamento da delação premiada da Petrobras quanto pelos apoios que Aécio conseguiu reunir a seu favor.

Mesmo com esse cenário adverso, Dilma conseguiu ir diminuindo a diferença dia-a-dia na semana passada. E ontem conseguiu a virada. Hoje o Vox Populi confirma essa retomada da liderança pela presidenta.

O que aconteceu a favor dela neste período foi a declaração de apoio da bancada do PSoL e de lideranças de esquerda e do movimento popular. Além da ampliação do engajamento da militância petista nas ruas.

Se vier a ser reeleita, Dilma terá esses novos atores como seus credores políticos. E isso pode permitir um novo momento para o país, tanto para esses movimentos quanto para o PSoL. No Rio de Janeiro, por exemplo, muitos petistas já estão defendendo o apoio à candidatura de Marcelo Freixo para a prefeitura.

Veja também:  Os rumos do bolsonarismo, por Daniel Trevisan Samways

Ainda é cedo para grandes conjecturas e a reeleição de Dilma ainda é algo duro e difícil. O quadro é bem complexo, principalmente em São Paulo. Mas esta eleição vai, com a vitória dela ou de Aécio, mudar o quadro político no país. Isso já é um dado de realidade.

 

 

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum