Blog do Rovai

22 de dezembro de 2011, 15h09

Tem gente que é tão pobre que só tem dinheiro

Lá se vai 2011.
Outro dia ouvi um amigo dizer: 2011, alguém anotou a placa?
Perfeito.
Foi um ano que a gente ainda vai ter de voltar muitas vezes pra estudar.
Recordo-me de ter pensado isso poucas vezes. Um delas foi em 1989.
E  há uns cinco anos me dedico a falar do último ano da década de 80 em muitas lugares.
2011 não vai ser diferente.
Muita coisa aconteceu. Muita coisa continua acontecendo.
Daqui a cinco minutos vou publicar um texto que produzi para a edição de dezembro da Fórum.
Ele não tem por objetivo falar de 2011, mas passa por ele.
Discute a influência da internet nas novas formas de protestos.
Com ele inauguro uma retrospectiva deste ano no blog.
De hoje até o dia 10 de janeiro vou publicar alguma coisa que já passou por aqui ou pelas páginas da Fórum nos últimos 12 meses.
E, claro, se algo acontecer que mereça a interrupção das ferietas que devem começar amanhã, corro numa lan house e mando bala.
Isso não me tira o descanso.
Neste blog sujo me divirto mais do que em qualquer outro lugar que já tenha feito algo parecido com jornalismo.
Um abraço forte nos muitos que encontrei em 2011 nos diversos eventos de comunicação Brasil afora. E, claro, também em todos que passaram por aqui  em algum momento deste ano.
E pra não dizer que não falei das flores, deixo a todos o desejo de um baita 2012 eu um trecho de É, do Gonzaguinha.
Que é muito daquilo que desejo e que sei muitos de vocês também.

Veja também:  Hospital Albert Einstein deve explicações à sociedade sobre esquema Bolsonaro-Queiroz

É!

A gente quer valer o nosso amor
A gente quer valer nosso suor
A gente quer valer o nosso humor
A gente quer do bom e do melhor…

A gente quer carinho e atenção
A gente quer calor no coração
A gente quer suar, mas de prazer
A gente quer é ter muita saúde
A gente quer viver a liberdade
A gente quer viver felicidade.

PS: A frase do título “tem gente que é tão pobre que só tem dinheiro”, li hoje pixada num muro de Pinheiros.
A gente é muito diferente dessa gente.

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum