Imprensa livre e independente
10 de abril de 2018, 22h34

Bela Gil visita acampamento em Curitiba e pede “Lula livre” em frente à sede da PF

A apresentadora visitou o acampamento em frente à sede da Polícia Federal onde Lula está preso em Curitiba e prestou solidariedade ao ex-presidente

Foto: Joka Madruga/Agência PT
A apresentadora Bela Gil, filha do cantor e ex-ministro da Cultura Gilberto Gil, visitou na noite desta terça-feira (10) o Acampamento Lula Livre, vigília permanente montada por apoiadores do ex-presidente em frente à sede da Polícia Federal de Curitiba (PR), onde o petista está preso desde sábado (7). Na visita ao acampamento, Bela, que é muito ligada ao movimento de agroecologia, entregou uma uma cesta de alimentos agroecológicos produzida pelo MST a uma moradora da região que acolheu os apoiadores do ex-presidente Lula que estão acampados. Em entrevista, Bela afirmou que “o ato de se manifestar é livre e precisa...

A apresentadora Bela Gil, filha do cantor e ex-ministro da Cultura Gilberto Gil, visitou na noite desta terça-feira (10) o Acampamento Lula Livre, vigília permanente montada por apoiadores do ex-presidente em frente à sede da Polícia Federal de Curitiba (PR), onde o petista está preso desde sábado (7).

Na visita ao acampamento, Bela, que é muito ligada ao movimento de agroecologia, entregou uma uma cesta de alimentos agroecológicos produzida pelo MST a uma moradora da região que acolheu os apoiadores do ex-presidente Lula que estão acampados.

Em entrevista, Bela afirmou que “o ato de se manifestar é livre e precisa ser respeitado” e ainda mandou um recado a Lula que, de acordo com os apoiadores, chega a ouvir, dentro de sua cela, as frases faladas no microfone.

“Lula, o povo está com você. Lula livre!”, disparou.

Assista.

Veja também:  Carlos Lupi, presidente do PDT, visita Lula na próxima quinta-feira (23)

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum