Renato Rovai

Blog do Rovai

Coluna política

06 de outubro de 2018, 15h22

Tracking: Diferença entre Bolsonaro e Haddad aumenta, mas 2° turno é quase certo

Diferença que era de 8 pontos foi para 12 e a previsão é de que possa chegar a 15 se a onda pró Bolsonaro não for interrompida com uma nova reflexão da população entre hoje e amanhã.

Reprodução

O blog teve acesso a um tracking nacional fechado ontem que aponta novo crescimento da candidatura de Jair Bolsonaro entre anteontem e ontem, mas que praticamente assegura a realização de 2° turno entre o candidato do PSL e Fernando Haddad (PT).

Bolsonaro tinha 32% e passou para 34%, crescendo dois pontos em um dia. Haddad que estava com 24 % caiu para 22%. Ciro Gomes, porém, subiu de 7% para 8%.

Pelo mesmo tracking, a  soma de Marina, Alckmin, Ciro e todos os outros candidatos chegaria a 17%.

O crescimento de Bolsonaro seria mais acentuado entre os eleitores com ensino superior, onde ele teria ido de 32% para 37%. E entre as mulheres, segmento que teria crescido 16% para 28%.

Nas regiões, se a eleição fosse só no Sul Bolsonaro estaria eleito no primeiro tuno. Lá ele chegou a 46%.

A pessoa que analisou o tracking para o blogue, havia que as chances de Bolsonaro vencer no primeiro turno são muito pequenas porque sua rejeição permanece muito alta, na casa dos 45%.