#Blog do Mouzar

24 de junho de 2016, 11h50

Faíscas verbais

Acabei de ler o livro “Faíscas verbais: a genialidade na ponta da língua”, do Márcio Bueno, um jornalista apaixonado pelas palavras, que por sinal já publicou um outro livro muito interessante, “A origem curiosa das palavras”. Ah, além disso ele é meu amigo e quase conterrâneo. Nasceu em Muzambinho, cidade mineira vizinha a Nova Resende. […]


02 de junho de 2016, 14h09

Sonhos ou delírios políticos?

Mexendo em papéis velhos, achei um folheto impresso há mais de trinta anos, que mexeu com minha memória. Em 1985, quando se anunciava a eleição para criar uma Assembleia Nacional Constituinte havia muitas discussões sobre a Constituição que a gente queria. Era um tempo de muita agitação. E de esperança, apesar do fim da ditadura […]


19 de maio de 2016, 19h02

Boris Schnaiderman

Vi nos jornais a notícia da morte de Boris Schnaiderman, aos 99 anos de idade. “Tradutor e escritor”, diz a matéria na Folha, “pioneiro na tradução da literatura russa”. Era isso mesmo, e muito mais. Nascido na Ucrânia, veio ainda criança para o Brasil, lutou contra o fascismo pela FEB, na Itália, na Segunda Guerra […]


11 de maio de 2016, 14h33

Ora, Excelência, vai…

É interessante acompanhar as sessões do Senado e da Câmara Federal (cujos membros, com raras exceções, fazem lembrar de vereadores dos mais profundos grotões). O que acho mais divertido é ver os nobres parlamentares com cara de quem quer fuzilar o adversário e chamar o dito-cujo de Excelência. Não vou sugerir tiroteios ou troca de […]


27 de abril de 2016, 12h30

Darcy Ribeiro e o Brasil dos nossos sonhos

Tenho me lembrado bastante de Darcy Ribeiro, sujeito que sempre admirei muito, por suas ideias e causas pelas quais lutou com garra e sem trégua. E também pelo modo de ver e interpretar as coisas. Por exemplo, ele sonhava com um Brasil poderoso e justo, e dizia: “Temos um povo maravilhoso e uma classe dominante […]


15 de abril de 2016, 11h34

Guilhotina e guilhotinados

A guilhotina é tida como uma invenção francesa, mas já existia na Inglaterra, Escócia e Itália desde o século XVI. Devido ao grande número de execuções durante a Revolução Francesa, o médico e político Joseph Guillotin propôs o seu uso para facilitar o trabalho dos carrascos, o que foi aceito. O instrumento ganhou seu nome […]


06 de abril de 2016, 11h43

Não obstante, lá vai porrada!

Tenho me lembrado direto do Barão de Itararé. Ele gostava da ciência, mas lamentava o uso que faziam dela. Por exemplo: o avião, que Santos Dumont inventou “para mandar cartões postais para as namoradas com maior rapidez”, acabou sendo usado na guerra; e a televisão, “maior maravilha da ciência” estava “a serviço da imbecilidade humana”. […]


28 de março de 2016, 12h19

Algumas lembranças de 1964 e uns anos mais

Vem aí o aniversário do golpe de 1964, e as lembranças que tenho dele não são nada boas. Em 1964 eu tinha 17 anos e mal entendia o que estava acontecendo, pois vivia à minha custa em São Paulo, e mal conseguia dinheiro para cobrir as despesas básicas. Não tinha tempo para me informar, nem […]


07 de março de 2016, 12h04

Que fim vai ter a crise atual?

O texto a seguir, embora possa não parecer a princípio, tem a ver com o momento político em que vivemos no Brasil. No final, faço umas considerações sobre isso. Quem tiver paciência (e tempo), por favor, leia e pense. Uma coisa já antecipo: o comportamento de muitos brasileiros em 2016 está ficando parecido com os […]


20 de fevereiro de 2016, 12h40

Onde está a honestidade?

Ando me lembrando muito da música de Chico Buarque em que um pai conta que o filho lhe traz presentes todos os dias. Um dia é um relógio, outro dia um anel de ouro, bolsa, óculos de sol… “É o meu guri”, diz o pai orgulhoso e ingênuo, que não sabe que o menino rouba. […]


12 de fevereiro de 2016, 08h52

Sandra Rosa Madalena no Carnaval paulistano

Passou o Carnaval! Quer dizer, passou entre aspas. Ainda vai ter muito bloco no sábado. Já se foi há muito o tempo em que os jornalistas e radialistas podiam falar do Carnaval usando o horroroso chavão “tríduo momístico”, os três dias dedicados ao Rei Momo: domingo, segunda e terça. Reparem que nem o sábado estava […]


29 de janeiro de 2016, 14h27

Que pena: o Campeonato Paulista não é mais aquele

Por Mouzar Benedito Cadê a Portuguesa? Cadê o Guarani? Cadê o Comercial de Ribeirão Preto? E o Juventus? E o Taubaté? E o América de São José do Rio Preto? Epa! Não vi o nome de nenhum deles na tabela. Está começando o campeonato paulista de futebol, da chamada série A. Antes era simplesmente primeira […]


21 de janeiro de 2016, 12h51

Como encarar a crise? O exemplo do Arnaldo não vale!

Qual é a pior dor que existe? Ô, assunto besta! Mas me lembrei disso ao constatar, com um exame de ultrassom, que mais uma vez estou com cálculo renal, a popular “pedra no rim”. Por enquanto, ela não se mexeu e continuo sem dor, mas com um esforço qualquer que eu faça, ela pode se […]


13 de janeiro de 2016, 12h25

Futebol: brasileiros continuam sendo os maiorais

“Lá vem ele defender os timecos brasileiros de novo”, deve ter gente pensando. Não, não vou. Concordo que nossos times têm cada vez menos craques daqueles que fazem dar gosto assistir a uma partida de futebol. Mas não é que o Brasil não tenha produzido jogadores excelentes, que fazem lembrar os bons tempos em que […]


04 de janeiro de 2016, 13h35

Futebol: continuo querendo o Paysandu na série A!

“Estatística é igual biquíni: mostra quase tudo, mas esconde o principal.” Se me lembro bem, foi Millôr Fernandes quem escreveu isso, no Pasquim. De vez em quando aparece algum ranking, que para mim é uma espécie de estatística, que me faz lembrar dessa frase e a dar razão ao seu autor. No final do ano, […]