Quilombo

por Dennis de Oliveira

03 de abril de 2018, 23h54

Winnie Mandela, uma mulher que brilha no Orùn

Mulheres casadas com grandes lideranças sempre são tratadas como “esposas do grande líder”. Espera-se que a sua atuação seja apenas a sombra da história do seu companheiro. Talvez esta tenha sido a expectativa – frustrada – de muitos que criticam Winnie Mandela, esposa de Nelson Mandela, falecida aos 81 anos no último 2 de abril. […]


+ posts

30 de novembro de 2017, 22h20

Negros escravizados na Líbia: por que a indiferença?

Por Dennis de Oliveira “Rezo por aqueles que sofrem pela escravidão na Líbia. Que Deus esteja com vocês e que esta crueldade termine já!”, escreveu nas redes sociais o jogador Pogbá, camisa 10 da seleção francesa que, no dia 19 de novembro comemorou o gol marcado defendendo a equipe inglesa do Manchester United fazendo um […]


09 de novembro de 2017, 11h15

Sobre o racismo de William Waack e os seus risinhos irônicos

Não foi um destempero do Waack. Foi a exposição do raio-X do que pensa o jornalismo da Globo. Ele pode ser afastado, demitido. Mas a Globo continuará sendo a Globo


28 de setembro de 2017, 11h35

As guitarras do Rock in Rio no cenário da guerra na Rocinha

Enquanto o público na “Cidade do Rock” vivenciava um espetáculo iluminado, o morro da Rocinha estava escuro, somente com luzes das casas acesas em um cenário típico de guerra.


14 de setembro de 2017, 14h09

Carl Hart: “É preciso parar de usar o termo cracolândia”

Para o professor de Psiquiatria e Psicologia, usar essa expressão é "centrar o problema no uso da droga, não são usuários, são pessoas pobres, marginalizadas, a quem falta educação, saúde e oportunidades”.


08 de agosto de 2017, 18h02

Líder afrocolombiano conta a trajetória de lutas do povo negro da Colômbia

José dos Santos, ativista do movimento negro colombiano, afirma que metade dos deslocados à força, por conta de guerras, são negras e negros.


31 de julho de 2017, 17h46

Rafael Braga, a representação do preso político dos dias atuais

No dia 31 de julho, entidades do movimento negro em todo o Brasil realizaram atos-vigilia em defesa da libertação de Rafael Braga. A Justiça deverá julgar o pedido de habeas corpus no dia 1º. de agosto. Independente do resultado, a prisão de Rafael Braga é a representação do que são as classes perigosas na contemporaneidade […]


05 de julho de 2017, 11h25

A USP vai ficar preta

Certa vez fui a aula com uma camiseta do Jackson 5 e muitos riram da minha cara. Percebi que dos quase 100 alunos da turma de Comunicação Social (era tudo junto no primeiro ano), apenas três ou quatro vieram de escola pública como eu. Funkeiros-groove acho que só eu.


21 de junho de 2017, 15h21

Esquerda é que precisa se reiventar e se aproximar da realidade da população (resposta à Azenha)

O jornalista Luiz Carlos Azenha publicou recentemente um comentário intitulado “os movimentos identitários e o dividir para governar”. Por ser um profissional que respeito imensamente e que tem contribuído na luta contra as narrativas hegemônicas da mídia golpista, é que resolvi escrever este artigo contestando suas afirmações.


27 de maio de 2017, 14h03

Práticas fascistas crescem e atingem movimentos sociais e grupos periféricos

A criminalização da política e a sustentação do pleno poder a determinadas instituições sedimenta o caminho para a edificação de um “fascismo branco” que se realiza a despeito do funcionamento “regular” dos aparelhos de poder democráticos. A total soberania de mídia e judiciário é danosa para a democracia. Mais que isto: para os movimentos sociais e a periferia.


18 de maio de 2017, 14h42

A segregação racial, o encarceramento e o livre mercado

No Brasil, o crescimento do encarceramento nos últimos anos levou o país a ter a quarta maior população carcerária do mundo, atrás apenas de EUA, Rússia e China.


08 de maio de 2017, 12h48

Brasil passa vergonha nas Nações Unidas na reunião de direitos humanos

No dia 5 de maio, em Genebra, o Conselho de Direitos Humanos da ONU cobrou do Brasil a consolidação e evolução nas suas políticas de direitos humanos. O país passou vergonha. A reunião da ONU foi para realizar a chamada RPU (Revisão de Políticas Universais de Direitos Humanos). E aí mais de cem intervenções de […]