Blog da Maria Frô

ativismo é por aqui

21 de setembro de 2010, 09h13

O Globo, já ouviu falar do Google?

Nenhum blogueiro que se preze cometeria uma barriga como esta que o Globo cometeu: acusar o presidente Lula de liderar um ato, ignorando o fato de a sociedade civil brasileira pensar com autonomia.

Eu fui uma das últimas ‘blogueiras sujas‘ a publicar o comunicado do Centro de Estudos Barão de Itararé, convocando os cidadãos indignados com a baixaria da mídia golpista e partidarizada para um ato que ocorrerá no Sindicato dos Jornalistas na próxima quinta-feira.

No Maria Frô a chamada para o ato foi na sexta-feira, antes porém do comício de Lula em Campinas que ocorreu no sábado. No Rodrigo Vianna a chamada foi na quinta-feira.

Cada vez este ato faz mais sentido, pois além de fazer  jornalismo golpista, esses jornalistas da mídia velha são incompetentes para informar o básico. No afã de condenar o presidente Lula por ter nascido, essa mídia que não se sustenta torna os seus próprios leitores seres sem autonomia de pensamento. Pois saiba, jornal O Globo, nós brasileiros podemos tomar nossas próprias decisões, nos indignar e agir. Vocês parecem não saber o que fazer sem um governo para sustentá-los. Seria por isso que se agarraram tanto aos ditadores?

PS. Os grifos e comentários ao longo do texto são meus.

Centrais sindicais fazem ato contra a imprensa nesta quinta-feira

Por: Leila Suwwan em O Globo

Publicada em 20/09/2010 às 23h39m

“Deve ser horrível viver em uma ditadura como esta, em que o presidente ataca um órgão da imprensa”, escreveu Dutra, fazendo referência, na realidade, a uma notícia de que o presidente americano, Barack Obama, está em embate com o canal de televisão conservador Fox News.
SÃO PAULO – Depois de o presidente Luiz Inácio Lula da Silva acusar a imprensa de agir como partido político (grifos do Maria Frô), as centrais sindicais, alguns sindicatos, partidos governistas e movimentos sociais farão na quinta-feira o “Ato contra o golpismo midiático”, em São Paulo. O convite para o evento, divulgado pelo PT, acusa a imprensa de “castrar o voto popular”, “deslegitimizar as instituições” e destruir a democracia. E não faz menção explícita à onda de denúncias de corrupção que atingem a Casa Civil da Presidência.
“Conduzida pela velha mídia, que nos últimos anos se transformou em autêntico partido político conservado* (conservador, minha filha, vá ler o texto direito), essa ofensiva antidemocrática precisa ser barrada. No comando estão grupos de comunicação que, pelo apoio ao golpe de 64 e à ditadura militar, já demonstraram seu desapreço pela democracia”, diz o texto.
De acordo com o site do PT, estarão presentes líderes de sindicatos e movimentos sociais. São listados: CUT, Força Sindical, CTB, CGTB, MST e UNE. Também estão confirmados políticos de PT, PCdoB, PSB e PDT, todos partidos da coligação da candidata a presidente Dilma Rousseff.
Em comício em Campinas, no sábado, o presidente Lula acusou a imprensa de não agir de forma democrática (o presidente e toda a torcida do Flamengo e do Corinthians juntas). O discurso provocou reações da ANJ (Associação Nacional de Jornais) e da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) . Lula disse que a população não precisa mais de formadores de opinião e acrescentou: “Nós somos a opinião pública”.
E continuou: “Não vamos derrotar apenas nossos adversários tucanos. Vamos derrotar alguns jornais e revistas, que se comportam como se fossem um partido político e não têm coragem de dizer que são um partido político, que têm candidato e não têm coragem de dizer que têm candidato, que não são democratas e pensam que são democratas”, disse Lula, para quem os pobres não precisam de formadores de opinião. (Nem pobres, nem ricos, minha filha, eu sou um ser pensante)
No anúncio do ato, o PT afirma que a imprensa busca “forçar a ida do candidato do PSDB ao segundo turno”. Em seguida, o convite afirma que “boatos de campanha” indicam que o “jogo sujo” irá piorar até a eleição. O ato está marcado para quinta, no auditório do Sindicato dos Jornalistas de São Paulo, e é patrocinado também por “blogueiros progressistas”. (Patrocinado? Essa foi a melhor! O ato é nosso, minha filha, nós o convocamos)
Dutra ironiza citando briga entre Obama e Fox News
Sem citar a denúncia de tráfico de influência e cobrança de propina dentro da Casa Civil (que vocês ainda não conseguiram provar) , em um esquema que supostamente era capitaneado pela ex-ministra Erenice Guerra, braço-direito de Dilma Rousseff, o convite do evento acusa os jornais de combinar suas manchetes com o programa eleitoral de José Serra (PSDB) na televisão.
O GLOBO não conseguiu contato nesta segunda-feira com o presidente do PT, José Eduardo Dutra, nem com o coordenador de comunicação da campanha de Dilma, Rui Falcão. Em seu microblog no Twitter, Dutra ironizou o tema.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum