13 de outubro de 2018, 20h47

#BOL卐ONARO: Postagens que associam Bolsonaro ao nazismo dominam o Twitter

A tag #BOL卐ONARO , que substitui o S do nome do presidenciável por uma suástica, chegou aos Trending Topics mundiais do Twitter; postagens resgatam falas de Bolsonaro de cunho nazi-fascista. Confira

Reprodução

As ligações do candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) com ideias nazi-fascistas ficaram em evidência, neste sábado (13), nas redes sociais. A tag #BOL卐ONARO, que substitui o S do nome do presidenciável por uma suástica nazista, chegou aos assuntos mais comentados do mundo no Twitter.

Nas postagens, internautas resgatam frases e posicionamentos de Bolsonaro que o colocam próximo dos nazistas e neonazistas. Seu apoio a grupos de extermínio, o ódio aos “comunistas”, mulheres, negros, nordestinos e LGBTIs estão entre as situações exploradas.

Cabe lembrar, ainda, que o capitão da reserva já escreveu uma carta de solidariedade a um grupo neonazista de São Paulo que o apoia e que, nas últimas semanas, suásticas e mensagens de ódio, exaltando o nome de Bolsonaro, vêm sendo pichadas e desenhadas em universidades, escolas e espaços públicos pelo Brasil afora.

Leia também
“Bolsonaro é candidato a formar um Reich”, diz especialista em neonazismo

O próprio slogan de campanha e o nome da coligação de Bolsonaro faz alusão direta a um slogan da Alemanha de Hitler. “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos” é uma referência à frase “Deutschland über alles” que, em português, significa “Alemanha acima de tudo”. A frase, inclusive, foi suprimida do hino nacional alemão após a Segunda Guerra Mundial.

Confira, abaixo, parte da repercussão da tag que associa o candidato do PSL ao nazismo.