Imprensa livre e independente
18 de abril de 2019, 21h15

Bolsonaro alega compromissos familiares e não vai receber homenagem em MG

“São os momentos raros que tenho para passar com a minha família", justificou

Foto: Agência Brasil
Jair Bolsonaro alegou compromissos familiares e recusou ir a Minas Gerais para receber uma homenagem do governo do estado. No próximo domingo (21), Dia da Inconfidência, algumas personalidades receberão, em Ouro Preto, a grande medalha da Inconfidência, a mais alta comenda do estado. O presidente postou um vídeo em sua página no Facebook, agradecendo a homenagem, mas ratificou a ausência: “São os momentos raros que tenho para passar com a minha família”, justificou. Bolsonaro disse no vídeo que considera Minas seu segundo estado, em função do atentado que sofreu em Juiz de Fora, na Zona da Mata, em setembro de...

Jair Bolsonaro alegou compromissos familiares e recusou ir a Minas Gerais para receber uma homenagem do governo do estado. No próximo domingo (21), Dia da Inconfidência, algumas personalidades receberão, em Ouro Preto, a grande medalha da Inconfidência, a mais alta comenda do estado.

O presidente postou um vídeo em sua página no Facebook, agradecendo a homenagem, mas ratificou a ausência: “São os momentos raros que tenho para passar com a minha família”, justificou.

Bolsonaro disse no vídeo que considera Minas seu segundo estado, em função do atentado que sofreu em Juiz de Fora, na Zona da Mata, em setembro de 2018.

O governador Romeu Zema (Novo) resolveu homenagear, além de Bolsonaro, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), com a grande medalha da Inconfidência. Militares também constam na lista de agraciados.

MENSAGEM DO PRESIDENTE AO POVO DE MINAS GERAIS

O presidente Jair Messias Bolsonaro agradeceu a indicação para receber a Medalha da Inconfidência, explicou que não poderá comparecer à cerimônia e mais uma vez enfatizou que se sente mineiro por ter nascido de novo em Juiz de Fora.

Posted by Bruno Engler on Wednesday, April 17, 2019

Veja também:  Chamado de “inimigo” por Bolsonaro, diretor da Globo é recebido pelo presidente em agenda oficial

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum