21 de novembro de 2018, 12h41

Bolsonaro anuncia advogado da União e pastor de igreja presbiteriana para a AGU

André Luiz de Almeida Mendonça é advogado da União e celebra cultos aos domingos

Foto: AGU

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, anunciou através de sua conta no Twitter, na manhã desta quarta-feira (21), o advogado da União, André Luiz de Almeida Mendonça, que também é pastor da Igreja Presbiteriana de Brasília, para chefiar a Advocacia Geral da União.

“Informo a todos que a Advocacia Geral da União será liderada pelo senhor André Luiz de Almeida Mendonça, advogado com ampla vivência e experiência no setor”.

Advogado da União desde fevereiro de 2000, atua como assessor especial do ministro da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União desde 2016, Wagner Rosário, nome de Temer e que tem também a simpatia de Sérgio Moro, futuro ministro da Justiça e Segurança.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Ele é também pastor. Aos domingos, Mendonça celebra cultos e dirige a escola da Igreja Presbiteriana de Brasília. Ao Globo, Mendonça já disse que não há conflito entre as atividades de advogado da União e pastor.

Na última semana, os advogados públicos federais protocolaram 1 ofício que pedia que Bolsonaro considerasse uma lista tríplice para escolher quem chefiaria a AGU. Nenhum dos 3 indicados foram escolhidos.

A AGU deve perder o status de ministério que tem atualmente na gestão de Michel Temer, mas o governo de transição ainda não confirmou essa mudança.

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais