24 de dezembro de 2018, 16h59

Bolsonaro aponta faca para churrasqueiro e brinca: “você vai ser presidente da ONU”

O vídeo foi divulgado como piada pela própria assessoria

Foto: Reprodução
Em vídeo divulgado pela própria assessoria nesta segunda-feira (24), o presidente eleito Jair Bolsonaro, fez piada com a facada que tomou, durante a campanha, em setembro. Durante churrasco na Restinga de Marambaia, base naval na região da costa verde do Rio de Janeiro, ele pegou a faca, apontou para a barriga do churrasqueiro e disse: “Ó, se eu der essa daqui em você, você vai ser presidente da ONU [Organização das Nações Unidas]”. “Olha o tamanho da faca do cara aqui, ó, ó”, afirmou Bolsonaro, rindo, e apontando o objeto para a barriga do churrasqueiro. “Ó, se eu der essa...

Em vídeo divulgado pela própria assessoria nesta segunda-feira (24), o presidente eleito Jair Bolsonaro, fez piada com a facada que tomou, durante a campanha, em setembro. Durante churrasco na Restinga de Marambaia, base naval na região da costa verde do Rio de Janeiro, ele pegou a faca, apontou para a barriga do churrasqueiro e disse: “Ó, se eu der essa daqui em você, você vai ser presidente da ONU [Organização das Nações Unidas]”.

“Olha o tamanho da faca do cara aqui, ó, ó”, afirmou Bolsonaro, rindo, e apontando o objeto para a barriga do churrasqueiro. “Ó, se eu der essa daqui em você, você vai ser presidente da ONU [Organização das Nações Unidas]”, disse.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Bolsonaro foi atacado no dia 6 de setembro durante um ato de campanha em Juiz de Fora (MG). O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, foi preso em flagrante. Inquérito da Polícia Federal apura o que motivou o ato. A investigação sempre apontou que ele teria agido de forma solitária. Depois de Adélio esfaquear Bolsonaro, o então candidato à Presidência foi submetido a duas cirurgias e ficou 23 dias internado.

Após alta hospitalar, permaneceu a maior parte do tempo em casa, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, e não foi a nenhum debate do segundo turno, na disputa com Fernando Haddad (PT). Em 28 de janeiro, Bolsonaro deverá ser submetido a uma nova cirurgia para retirada de bolsa de colostomia (onde as fezes ficam armazenadas). Ele está com a bolsa desde 7 de setembro, quando foi internado no hospital Albert Einstein, na zona sul paulistana.

Com informações do UOL

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais