Imprensa livre e independente
23 de janeiro de 2019, 14h16

Bolsonaro cancela entrevista coletiva em Davos por “abordagem antiprofissional da imprensa”

Após almoçar com investidores, ele tomou o caminho de volta a seu hotel em vez de se dirigir ao centro de imprensa, onde faria um pronunciamento seguido de entrevista coletiva com os ministros Paulo Guedes (Economia) e Sergio Moro (Justiça).

Sala em que seria concedida a entrevista coletiva (Reprodução/Twitter)
Jair Bolsonaro (PSL) cancelou a entrevista coletiva que daria à imprensa nesta quarta-feira (23) no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, 40 minutos antes do previsto. Segundo a Folha de S.Paulo, o assessor da Presidência Tiago Pereira Gonçalves disse a repórteres que aguardavam o presidente no hotel que o cancelamento da entrevista coletiva se deu devido à “abordagem antiprofissional da imprensa”. Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais O cancelamento pegou de surpresa os profissionais que atuam nos preparativos do Fórum. Segundo a Folha, Bolsonaro se reuniu com...

Jair Bolsonaro (PSL) cancelou a entrevista coletiva que daria à imprensa nesta quarta-feira (23) no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça, 40 minutos antes do previsto. Segundo a Folha de S.Paulo, o assessor da Presidência Tiago Pereira Gonçalves disse a repórteres que aguardavam o presidente no hotel que o cancelamento da entrevista coletiva se deu devido à “abordagem antiprofissional da imprensa”.

Fórum terá um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

O cancelamento pegou de surpresa os profissionais que atuam nos preparativos do Fórum. Segundo a Folha, Bolsonaro se reuniu com o presidente da Suíça, Ueli Mauer, e com o ex-premiê britânico, Tony Blair, após almoçar com investidores e apresentar os prospectos para o Brasil.

Em seguida, porém, ele tomou o caminho de volta a seu hotel em vez de se dirigir ao centro de imprensa, onde faria um pronunciamento seguido de entrevista coletiva com os ministros Paulo Guedes (Economia) e Sergio Moro (Justiça).

Cerca de uma hora depois, uma outra pessoa da comitiva do presidente afirmou a jornalistas que Bolsonaro tinha cancelado o compromisso para se poupar, pois sua agenda está muito carregada. Os demais encontros do presidente foram mantidos.

Veja também:  Bolsonaro faz ironia sobre investigações de candidaturas laranjas do PSL

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum