Imprensa livre e independente
04 de janeiro de 2019, 17h28

Felipe Neto critica Bolsonaro por favorecer ricos com alíquota menor de imposto de renda

Youtuber tuitou: “Os pobres pagarão a conta. Como falei, eu sou o beneficiado por esse governo. E isso é uma lástima, pois não preciso”

Foto: Facebook
Felipe Neto, um dos youtubers mais populares do país, voltou a criticar Jair Bolsonaro(PSL) nesta sexta-feira (4). Ele usou sua conta no Twitter para comentar a possibilidade de o governo diminuir a alíquota do Imposto de Renda da Pessoa Física, de 27,5% para 25%, para aqueles que têm ganho mensal acima de R$4.664,68 – informação que foi divulgada pelo presidente militar, mas logo desmentida pelo secretário da Receita Federal, Marcos Cintra. “Bolsonaro REDUZIU o imposto de renda de pessoas q recebem acima de 4.664,68 de 27,5% para 25%. Isso se chama ‘governar para os ricos’. Os pobres pagarão a conta. Como...

Felipe Neto, um dos youtubers mais populares do país, voltou a criticar Jair Bolsonaro(PSL) nesta sexta-feira (4). Ele usou sua conta no Twitter para comentar a possibilidade de o governo diminuir a alíquota do Imposto de Renda da Pessoa Física, de 27,5% para 25%, para aqueles que têm ganho mensal acima de R$4.664,68 – informação que foi divulgada pelo presidente militar, mas logo desmentida pelo secretário da Receita Federal, Marcos Cintra.

“Bolsonaro REDUZIU o imposto de renda de pessoas q recebem acima de 4.664,68 de 27,5% para 25%. Isso se chama ‘governar para os ricos’. Os pobres pagarão a conta. Como falei, eu sou o beneficiado por esse governo. E isso é uma lástima, pois não preciso”, afirmou.

Em novo tuíte, logo depois, Felipe Neto pediu para desconsiderarem as críticas, pois o  secretário já havia desmentido o próprio presidente. “Cara, serão 4 anos difíceis, mas também hilários. Elegeram um bobo da corte”, escreveu.

Veja também:  Janaina Paschoal elogia petista: por isso “eles ficaram tantos anos no poder e ao que tudo indica, vão voltar”

 

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Felipe Neto já havia divulgado em suas redes sociais que iria fazer oposição a Jair Bolsonaro, logo após o resultado da eleição: “Boa sorte a todos nós. A intolerância e o radicalismo venceram. Quando vocês pensarem que tudo está perdido, lembrem-se: 81 milhões de eleitores não votaram no Bozo, enquanto 57 milhões votaram”.

Além disso, se posicionou veementemente contra o projeto “Escola sem Partido”: “Se decidirem seguir em frente com o ‘escola sem partido’ e a perseguição de professores, deixo claro q usarei todas as minhas forças para incentivar os jovens q me assistem contra esse autoritarismo. Nossos alunos protegerão nossos professores. Disso eu tenho certeza!”, afirmou.

Veja também:  Rodrigo Maia rompe e não negocia mais com líder do governo na Câmara

A matéria – divulgada originalmente na sexta-feira (4) – foi editada neste sábado (5) a pedido de Felipe Neto, que comentou no Twitter a publicação.

Agora que você chegou ao final deste texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum