Imprensa livre e independente
17 de abril de 2019, 08h17

Bolsonaro vai vender metade das refinarias da Petrobras para pagar dívidas

O objetivo seria "evitar o monopólio regional". A Petrobras espera arrecadar entre US$10 e US$ 15 bilhões com a venda das refinarias

Bolsonaro em reunião com agentes do sistema financeiro nos EUA (Arquivo/Alan Santos/PR)
Coluna do jornalista João Borges, no portal G1 nesta terça-feira (16), informa que Jair Bolsonaro decidiu vender a partir de junho deste ano metade das refinarias de petróleo, que ficam nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste. Juntas, as 13 refinarias da Petrobras têm capacidade de refinar 2,2 milhões de barris por dia. Ou seja, o objetivo da empresa é vender a capacidade de refino de 1,1 milhão de barris por dia. O objetivo, segundo o jornalista, seria “evitar o monopólio regional”. A Petrobras espera arrecadar entre US$10 e US$ 15 bilhões com a venda das refinarias. O dinheiro será usado...

Coluna do jornalista João Borges, no portal G1 nesta terça-feira (16), informa que Jair Bolsonaro decidiu vender a partir de junho deste ano metade das refinarias de petróleo, que ficam nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste.

Juntas, as 13 refinarias da Petrobras têm capacidade de refinar 2,2 milhões de barris por dia. Ou seja, o objetivo da empresa é vender a capacidade de refino de 1,1 milhão de barris por dia.

O objetivo, segundo o jornalista, seria “evitar o monopólio regional”. A Petrobras espera arrecadar entre US$10 e US$ 15 bilhões com a venda das refinarias. O dinheiro será usado para pagar dívidas.

Veja também:  Vídeo que mostra mal-estar entre Moro e Bolsonaro bomba nas redes

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum