Imprensa livre e independente
07 de junho de 2018, 09h26

Bruno Covas contrata mãe de amigo e braço direito na prefeitura por R$ 10 mil

Além de auxiliar, Gustavo também é amigo do tucano. Costumam sair juntos para festas e baladas e viagens para o exterior, como por exemplo, os Estados Unidos e a Croácia

Bruno Covas (PSDB) contratou a mãe de seu braço direito na administração, Gustavo Pires, que também é um de seus melhores amigos, para trabalhar na SPTrans, empresa do município responsável pelo gerenciamento do transporte coletivo por ônibus. As informações são dos repórteres Rogério Gentile e Guilherme Seto, na Folha desta quinta-feira (7). A professora aposentada desde 2012, Elisabete Gonçalves Garcia Pires, foi nomeada com o salário de R$ 10.604,00. Somado a sua aposentadoria na rede pública, ela passou a ganhar por mês o valor bruto de R$ 20.918,88. Ela foi admitida em 12 de março, enquanto Bruno Covas ainda era vice-prefeito e secretário da Casa...

Bruno Covas (PSDB) contratou a mãe de seu braço direito na administração, Gustavo Pires, que também é um de seus melhores amigos, para trabalhar na SPTrans, empresa do município responsável pelo gerenciamento do transporte coletivo por ônibus. As informações são dos repórteres Rogério Gentile e Guilherme Seto, na Folha desta quinta-feira (7).

A professora aposentada desde 2012, Elisabete Gonçalves Garcia Pires, foi nomeada com o salário de R$ 10.604,00. Somado a sua aposentadoria na rede pública, ela passou a ganhar por mês o valor bruto de R$ 20.918,88.

Ela foi admitida em 12 de março, enquanto Bruno Covas ainda era vice-prefeito e secretário da Casa Civil, órgão responsável pela análise das contratações. Na SPTrans, ela é responsável pela supervisão e treinamento de estagiários que fazem o atendimento da população.

Logo em seguida, no dia 6 de abril, Covas assumiu a prefeitura e, dias depois, promoveu Gustavo Pires, 26, filho de Elisabete, a secretário-executivo do gabinete do prefeito, cargo que não existia na gestão João Doria.

Até então, Gustavo era responsável pela organização da agenda de compromissos de Covas, sob a função de assessor especial da prefeitura, com salário de R$ 4.937. Com o novo cargo, recebe R$ 19.332,68, o equivalente ao de um secretário do governo. Um aumento de 292% em relação ao que recebia no início da gestão João Doria.

Veja também:  Guedes: Bolsonaro sente-se "agredido quando presidente do BNDES coloca na diretoria nomes ligados ao PT"

Gustavo acompanha Bruno Covas em eventos públicos, reúne-se diariamente com ele e, em algumas situações, também atua como intermediário entre o prefeito e os secretários.

Além de auxiliar, Gustavo também é amigo do tucano. Costumam sair juntos para festas e baladas e viagens para o exterior, como por exemplo, os Estados Unidos e a Croácia.

Em nota, a prefeitura afirmou que:

“Sua contratação, efetivada no dia 12 de março de 2018, passou por análise criteriosa do Conselho Municipal de Administração Pública (Comap), que verificou existir aderência entre sua formação profissional e as funções que exerceria.

À época, Gustavo Pires, era apenas assessor do gabinete do vice-prefeito, sem qualquer poder sobre a SPTrans, empresa que tem natureza jurídica de direito privado e obedece em suas contratações a critérios profissionais.

O fato de Elisabete Pires ser mãe de Gustavo não poderia impedir sua contratação sob pena de se incorrer em preconceito ou discriminação por parentesco, algo que fere o direito e a Constituição.”

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum