Imprensa livre e independente
11 de fevereiro de 2019, 17h05

Câmara de Santos aprova moção de solidariedade à Fórum contra Bolsonaro

A revista Fórum e o fotógrafo Lula Marques foram vítimas de “ataque ao exercício de suas prerrogativas profissionais com a ação proposta pelo Presidente da República”, disse a vereadora Telma de Souza, autora da iniciativa

Foto: Reprodução/Facebook/Telma de Souza
A Câmara Municipal de Santos, no litoral de São Paulo, por iniciativa da vereadora Telma de Souza (PT), aprovou uma moção de solidariedade à Revista Fórum, por conta do processo movido por Jair Bolsonaro e seu filho Eduardo contra o veículo e o repórter-fotográfico Lula Marques. Na justifica, Telma diz que “nos últimos tempos os ataques à imprensa e aos jornalistas têm crescido em nosso país e representam um sério risco à democracia e à liberdade. Vários têm sido os relatos de agressão física e também através das redes sociais, onde jornalistas e profissionais do setor têm sido vítimas de...

A Câmara Municipal de Santos, no litoral de São Paulo, por iniciativa da vereadora Telma de Souza (PT), aprovou uma moção de solidariedade à Revista Fórum, por conta do processo movido por Jair Bolsonaro e seu filho Eduardo contra o veículo e o repórter-fotográfico Lula Marques.

Na justifica, Telma diz que “nos últimos tempos os ataques à imprensa e aos jornalistas têm crescido em nosso país e representam um sério risco à democracia e à liberdade. Vários têm sido os relatos de agressão física e também através das redes sociais, onde jornalistas e profissionais do setor têm sido vítimas de ameaças. Os veículos de imprensa livre, que realizam um trabalho importante especialmente no campo do jornalismo investigativo e também para a circulação de ideias, correm ainda mais risco com o cerco econômico e a intimidação judicial”.

Em outro trecho, a vereadora acrescenta: “Recentemente a revista Fórum, cuja redação funciona em nossa Cidade, e o fotógrafo Luiz Araújo Marques, o Lula Marques, foram vítimas desse tipo de ataque ao exercício de suas prerrogativas profissionais com a ação proposta pelo Presidente da República”.

Veja também:  Olavo de Carvalho apresenta queixa-crime contra Caetano Veloso e o chama de “canalha”

Ela finaliza: “A imprensa livre e independente é pilar do estado democrático de direito e deve ser sempre objeto de cuidado e defesa”. Em seguida, Telma requer o envio “congratulações de solidariedade à Revista Fórum e ao fotógrafo Luiz Araújo Marques, por conta da ação judicial de que são vítimas pelo exercício das suas prerrogativas profissionais”.

O caso

No dia 18 de janeiro, a Fórum recebeu na sua sede um mandado de citação postal de um processo movido pelo atual presidente da República, Jair Bolsonaro, e por seu filho, o deputado federal, Eduardo Bolsonaro.

A revista está sendo processada junto com o fotógrafo Luiz Araújo Marques, o Lula Marques. O motivo é a publicação feita por ele e veiculada pela Fórum de uma conversa de Bolsonaro com Eduardo, em que num dado momento o pai diz que não vai visitar o filho na Papuda.

Vejam aqui a moção de solidariedade.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum