COMPRE JÁ
11 de Março de 2018, 17h34

Campanha mostra machismo em letras de músicas brasileiras

Incitação à violência contra a mulher, à cultura do estupro e até ao feminicídio estão presentes em cançôes famosas

“Sempre de cara amarrada. Será que ela quer pancada?! É só o que lhe falta dar! Ela quer apanhar!” Este é um trecho de uma música de Jorge Veiga, cantor e compositor brasileiro. Assim como essa letra, muitas outras retratam quanto o machismo e a incitação à violência estão inseridos na cultura musical do país.

Na semana do Dia Internacional da Mulher, a Secretaria de Políticas para Mulheres (Sepom) da Prefeitura de São Leopoldo publicou em sua página no Facebook fotos da campanha “Música: Uma Construção de Gênero”, que denuncia machismo, feminicídio, cultura do estupro e violência contra mulher presentes em letras de músicas.

As fotos trazem mulheres segurando cartazes com trechos de canções. As imagens foram expostas durante um seminário do Mês da Mulher e agora ficam disponíveis para a comunidade, no saguão da prefeitura do município das 9h às 14h (Av. Dom João Becker, 754 – Centro). A partir de abril a exposição passará a ser itinerante.


#tags