20 de janeiro de 2019, 13h16

Campanha para Nobel da Paz a Lula já tem mais de 460 mil apoiadores

Abaixo-assinado tem até o fim do mês para ser efetivado; entre os motivos para a indicação estão sua ação como presidente para retirar 30 milhões de brasileiros da extrema pobreza e tirar o Brasil do Mapa da Fome da ONU

Apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estão em campanha para sua indicação ao Prêmio Nobel da Paz, o que deve ser feito até 1º de fevereiro. Entre os motivos para a indicação estão sua ação como presidente para retirar 30 milhões de brasileiros da extrema pobreza e tirar o Brasil do Mapa da Fome da ONU. O abaixo-assinado já conta com mais de 460 mil assinaturas, de acordo com informações da RBA. Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais Quem idealizou a candidatura de Lula foi o...

Apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estão em campanha para sua indicação ao Prêmio Nobel da Paz, o que deve ser feito até 1º de fevereiro. Entre os motivos para a indicação estão sua ação como presidente para retirar 30 milhões de brasileiros da extrema pobreza e tirar o Brasil do Mapa da Fome da ONU. O abaixo-assinado já conta com mais de 460 mil assinaturas, de acordo com informações da RBA.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Quem idealizou a candidatura de Lula foi o ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel. A atuação do ex-presidente em relação às políticas sociais motivaram Esquivel. “O Nobel para Lula ajudará a fortalecer a esperança de poder continuar construindo um novo amanhecer para dignificar a árvore da vida”, disse.

Esquivel ganhou o prêmio em 1980, após esforços em defesa dos direitos humanos, durante sua luta contra ditaduras em toda a América Latina. Como premissa para poder receber o Nobel da Paz, o comitê de julgamento ressalta: “Pessoa que fez a maior ou melhor ação pela fraternidade entre as nações, pela abolição e redução dos esforços de guerra e pela manutenção e promoção de tratados de paz”.

O abaixo-assinado para que seja efetivada a candidatura de Lula já passa de 460 mil assinaturas. Entretanto, são válidas para o comitê avaliador assinaturas de um grupo específico de pessoas: membros de assembleias nacionais e governos nacionais soberanos; membros do Tribunal Internacional de Justiça em Haia; membros do Institut de Droit Internacional; professores universitários, professores eméritos e professores associados de história, ciências sociais, direito, filosofia, teologia e religião; reitores e diretores universitários; diretores de institutos de pesquisa da paz e institutos de política externa; pessoas que receberam o Prêmio Nobel da Paz; membros da diretoria principal de organizações que receberam o Prêmio Nobel da Paz; e membros, ex-membros e ex-assessores do Comitê Norueguês do Nobel.

O Nobel da Paz é um dos maiores reconhecimentos do mundo. Entre os ganhadores, é possível destacar nomes como o da paquistanesa militante pelo direito à educação Malala Yousafzai, o ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan, o líder palestino Yasser Arafat, o ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela, Tenzin Gyatso, o 14º Dalai Lama, a ativista pela paz na Índia, Madre Tereza de Calcutá, e o ativista dos direitos civis nos Estados Unidos Martin Luther King Jr.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você não pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais