14 de agosto de 2018, 18h26

Cartas do Pai: “URSAL contra o Mal!”

Agora, nos últimos minutos do jogo, os ministros do Supremo querem aumentar em mais de 16% os próprios salários. Vão passar de 35 pra mais de 41 salários mínimos! Uma pouca vergonha!

Foto: Arquivo Pessoal

Rio de Janeiro, 14 de agosto de 2018

Pai,

Esta semana começou a corrida para presidente. Digo, disputa, não corrida. Se bem que o líder nas pesquisas das eleições também ganharia fácil em uma corrida de verdade! Sério! Já vi vídeos dele correndo na esteira, e os outros candidatos não parecem estar muito em forma, não. Principalmente os da direita.

Tem um lá que tá quase usando balão de oxigênio, e outro, um que foi expulso do exército, (não se pode falar o nome dele não, viu pai!), este aí mesmo, não consegue fazer nem flexão, tem vídeo e tudo! Desonestidade que passa por roubar nas flexões até receber 200 mil de propina. Bem, de qualquer forma o líder seria o mesmo.

Estou aqui querendo que cheguem logo as eleições. Do lado de lá, eles tão que se aproveitam de cada segundo no poder. Além de tirarem direitos trabalhistas e tentar acabar com a aposentadoria do povão, agora, nos últimos minutos do jogo, os ministros do Supremo querem aumentar em mais de 16% os próprios salários. Vão passar de 35 pra mais de 41 salários mínimos! Uma pouca vergonha!

Deviam fixar o salário deles nos 35 salários mínimos. Aí, eles iriam ter reajustes junto com o povo! Todo cargo público devia ser assim, salários vinculados ao salário mínimo! Dessa maneira, aposto que não dariam aumento de menos de 2%, como deram este ano.

Vou botar seus personagens pra apoiar a URSAL.

Vamos ver se ela dá jeito nisso, né pai!

Aposto que você estaria vestindo a camisa e tudo mais! Hahaha!!

Um beijão do seu filho,

Ivan