11 de março de 2019, 12h08

Chuvas deixam ao menos 8 mortos e provoca caos na grande São Paulo

Os lugares mais afetados foram os bairros de Vila Prudente e do Ipiranga, e as cidades do ABC. O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo (CGE) informou que há diversos pontos intransitáveis na cidade. A circulação de trens na Linha 10-Turquesa da CPTM está interrompida, sem previsão de normalização

Chuva provoca caos em São Paulo (Reprodução/TV Globo)
As fortes e constantes chuvas que caem na grande São Paulo desde a noite deste domingo (10), já deixam ao menos 8 mortos, segundo os bombeiros e a Defesa Civil, e provocaram um caos no primeiro dia útil da semana para os paulistanos. Os lugares mais afetados foram os bairros de Vila Prudente e do Ipiranga, e as cidades do ABC. Os bombeiros contabilizam, entre 0h e 6h, 601 ocorrências de enchentes, 34 quedas de árvore, 54 ocorrências de desabamento e 3 deslizamentos graves. O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo (CGE) informou que há diversos...

As fortes e constantes chuvas que caem na grande São Paulo desde a noite deste domingo (10), já deixam ao menos 8 mortos, segundo os bombeiros e a Defesa Civil, e provocaram um caos no primeiro dia útil da semana para os paulistanos.

Os lugares mais afetados foram os bairros de Vila Prudente e do Ipiranga, e as cidades do ABC. Os bombeiros contabilizam, entre 0h e 6h, 601 ocorrências de enchentes, 34 quedas de árvore, 54 ocorrências de desabamento e 3 deslizamentos graves.

O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura de São Paulo (CGE) informou que há diversos pontos intransitáveis na cidade. A circulação de trens na Linha 10-Turquesa da CPTM está interrompida, sem previsão de normalização.

Em Ribeirão Pires, no ABC Paulista, o desabamento de uma casa deixou quatro mortos e dois feridos, segundo a Prefeitura da cidade.

Outras duas pessoas morreram na Avenida do Estado, na capital. Outra pessoa morreu no bairro Taboão, em São Bernardo do Campo, no ABC, segundo o porta-voz dos bombeiros, capitão Marcos Palumbo.

Em Embu, na Grande São Paulo, o desabamento de uma casa deixou três feridos graves. Uma das vítimas, uma criança, morreu no hospital, segundo a Defesa Civil estadual.

No Jardim Zaíra, em Mauá, três casas desabaram após um deslizamento de terra. Ninguém se feriu. O mesmo bairro registrou a morte de quatro crianças em fevereiro após outro deslizamento.

Em São Rafael, Zona Leste da capital, um deslizamento de terra atingiu uma casa. A mãe e duas crianças ficaram feridas – uma delas em estado grave.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.