Imprensa livre e independente
05 de abril de 2018, 16h15

Com o Supremo, com tudo: Irmã de Jucá é nomeada para cargo no governo

Helga Ferraz, irmã do senador que tramou o impeachment de Dilma e propôs um "grande acordo nacional, com o Supremo, com tudo" para frear a Lava Jato, será assessora especial da Secretaria de Políticas para Mulheres

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
Foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (5) a nomeação de Helga Ferraz Jucá para o cargo de assessora especial da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres. A nomeação partiu do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (MDB-RS). Helga é advogada e irmã do senador Romero Jucá (MDB-RR). O emedebista não quis comentar sobre a nomeação de sua irmã para o ministério. Jucá, atualmente, é conhecido como o homem do “grande acordo nacional”. Em 2015, foram divulgadas gravações de um diálogo entre o senador e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, em que ambos tramam o impeachment...

Foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (5) a nomeação de Helga Ferraz Jucá para o cargo de assessora especial da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres. A nomeação partiu do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (MDB-RS).

Helga é advogada e irmã do senador Romero Jucá (MDB-RR). O emedebista não quis comentar sobre a nomeação de sua irmã para o ministério.

Jucá, atualmente, é conhecido como o homem do “grande acordo nacional”. Em 2015, foram divulgadas gravações de um diálogo entre o senador e o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, em que ambos tramam o impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff. Em um dos trechos da conversa, Jucá propõe “um grande acordo nacional, com o Supremo, com tudo” para frear as investigações da operação Lava Jato. O acordo nacional proposto pelo senador deu certo: no ano seguinte, o impeachment de Dilma foi concretizado e, em fevereiro deste ano, o Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou um inquérito contra Jucá que investigava desvio de recursos públicos.

Veja também:  Decisão que pode dar liberdade a Lula vai a plenário no STF após voto favorável de Lewandowski

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum