Imprensa livre e independente
13 de novembro de 2018, 18h04

Conferência de ciências sociais recebe Dilma, Mujica e Kirchner na Argentina

Lideranças latino-americanas, entre elas, Haddad, Manuela e Boulos, abordam a crise democrática e outros temas relevantes para a região

Foto: Roberto Stuckert Filho Por Opera Mundi A 8ª Conferência Latino-Americana e Caribenha de Ciências Sociais, que acontece em Buenos Aires, de 17 a 23 de novembro, receberá os ex-presidentes do Brasil Dilma Rousseff, da Argentina, Cristina Kirchner, e do Uruguai, Pepe Mujica, para palestras sobre democracia, cidadania e o futuro da política latina. Além das autoridades sul-americanas, o evento terá os ex-candidatos à presidência nas eleições de 2018 Fernando Haddad (PT) e sua vice, Manuela D’Ávila, além de Guilherme Boulos, do PSOL. O evento é organizado pelo Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais (Clacso), instituição não governamental ligada à Unesco...

Foto: Roberto Stuckert Filho

Por Opera Mundi

A 8ª Conferência Latino-Americana e Caribenha de Ciências Sociais, que acontece em Buenos Aires, de 17 a 23 de novembro, receberá os ex-presidentes do Brasil Dilma Rousseff, da Argentina, Cristina Kirchner, e do Uruguai, Pepe Mujica, para palestras sobre democracia, cidadania e o futuro da política latina.

Além das autoridades sul-americanas, o evento terá os ex-candidatos à presidência nas eleições de 2018 Fernando Haddad (PT) e sua vice, Manuela D’Ávila, além de Guilherme Boulos, do PSOL.

O evento é organizado pelo Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais (Clacso), instituição não governamental ligada à Unesco com atuação em 51 países, e terá palestras, diálogos magistrais e apresentações de trabalhos acadêmicos.

Segundo a organização, a intenção é propiciar um “espaço amplo, plural e aberto” para que líderes mundiais possam “representar e expressar os ideais de luta por sociedades mais justas e igualitárias”.

A ex-presidente brasileira participará de palestras na segunda-feira (19/11), falando sobre o tema “democracia, cidadania e estado de exceção”, enquanto Kirchner discursará sobre “capitalismo, neoliberalismo e a crise da democracia”. No mesmo dia, Mujica fala sobre “América Latina: medo, esperança, utopia”.

Veja também:  Questionário para emprego em órgão federal pede opinião sobre "intenção de Bolsonaro"

Após as apresentações dos ex-líderes latino-americanos, Haddad, Manuela e Boulos falarão na terça-feira (20/11) sobre o tema “Brasil: a esperança vencerá o medo”.

O evento também receberá o sociólogo português Boaventura Sousa Santos e o ativista argentino, Adolfo Pérez Esquivel, vencedor do Nobel da Paz em 1980, além dos ex-ministros José Eduardo Cardozo e Aloizio Mercadante.

A inscrição para o evento, que acontece em Buenos Aires, é gratuita e pode ser feita clicando aqui.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você não pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum