Imprensa livre e independente
13 de julho de 2016, 14h23

Conheça os 17 candidatos à presidência da Câmara

Votação está marcada para começar às 16h desta quarta-feira; sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cumprirá o mandato até fevereiro de 2017.

Votação está marcada para começar às 16h desta quarta-feira; sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cumprirá o mandato até fevereiro de 2017 Por Redação Está marcada para começar às 16h desta quarta-feira (13) a votação para eleger um novo presidente para a Câmara dos Deputados. O sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cumprirá o mandato até fevereiro de 2017. Ao meio-dia encerrou o prazo para que os deputados registrassem suas candidaturas. Faltando dois minutos para o encerramento, Maria do Rosário (PT-RS) se apresentou como candidata, sendo a última inscrita. Além dela, outros 16 parlamentares demonstraram interesse no cargo. São eles: Rogério Rosso (PSD-DF), Beto Mansur (PRB-SP), Luiza Erundina...

Votação está marcada para começar às 16h desta quarta-feira; sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cumprirá o mandato até fevereiro de 2017

Por Redação

Está marcada para começar às 16h desta quarta-feira (13) a votação para eleger um novo presidente para a Câmara dos Deputados. O sucessor de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) cumprirá o mandato até fevereiro de 2017.

Ao meio-dia encerrou o prazo para que os deputados registrassem suas candidaturas. Faltando dois minutos para o encerramento, Maria do Rosário (PT-RS) se apresentou como candidata, sendo a última inscrita.

Além dela, outros 16 parlamentares demonstraram interesse no cargo. São eles:

Rogério Rosso (PSD-DF), Beto Mansur (PRB-SP), Luiza Erundina (PSOL-SP), Carlos Gaguim (PTN-TO), Carlos Manato (SD-ES), Cristiane Brasil (PTB-RJ), Esperidião Amin (PP-SC), Evair Melo (PV-ES), Fábio Ramalho (PMDB-MG), Fausto Pinato (PP-SP), Fernando Giacobo (PR-PR), Gilberto Nascimento (PSC-SP), Marcelo Castro (PMDB-PI), Miro Teixeira (Rede-RJ), Orlando Silva (PcdoB-SP), Rodrigo Maia (DEM-RJ).

A maioria responde ou respondeu a processos judiciais. Os bastidores das negociações apontam que é quase impossível que haja um presidente eleito em primeiro turno. A previsão é de que a votação dure até a madrugada.

Veja também:  "Parece que os cargos são destinados a troca-troca", diz ministro do STF sobre acordo entre Bolsonaro e Moro

Foto de Capa: José Cruz/ Agência Brasil

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum