Urbanidades

27 de julho de 2015, 16h53

Convite: a arquitetura moderna e seu lugar na América Latina

Continuando nossa conversa sobre o espaço construído das Américas, suas especificidades e pontos em comum, estarei apresentando nas próximas semanas o meu último livro: Modern Architecture in Latin America (escrito em parceria com Luis Carranza) no Rio e em São Paulo

Continuando nossa conversa sobre o espaço construído das Américas, suas especificidades e pontos em comum, estarei apresentando nas próximas semanas o meu último livro: Modern Architecture in Latin America (escrito em parceria com Luis Carranza) no Rio e em São Paulo.

Nestas ocasiões estarei discutindo o lugar da América Latina na construção da modernidade sob a perspectiva de seus principais teóricos: Edmundo O’Gorman, Walter Mignolo, Arturo Escobar, Eduardo Viveiros de Castro, entre outros.

No Rio de Janeiro, além das palestras e debates, teremos a abertura a exposição “O Outro do Outro” que organiza, no tempo e no espaço, duzentos edifícios e projetos urbanos importantes da América Latina.

Rio de Janeiro

31 de julho, sexta-feira, 10 h, no PROARQ,  sala 445 do prédio da Reitoria da UFRJ.

1º de agosto, sábado, 14 h, no Studio X, Praça Tiradentes 43, Centro – Abertura da Exposição “O Outro do Outro” e debate com Otavio Leonídio (PUC-RJ). A exposicão que já esteve em Austin, Fortaleza e Madrid fica em cartaz, com entrada gratuita até 25 de setembro, e depois segue para Rhode Island, Fort Lauderdale nos EUA e Monterrey no México.

São Paulo

12 de agosto, quarta-feira, 18 h / Escola da Cidade  – Auditório da Aliança Francesa, rua General Jardim, 182

13 de agosto, quinta-feira, 18 h, no IAU-USP, São Carlos, auditório Paulo de Camargo.

 

Estão todos convidados!

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum