Imprensa livre e independente

#Cultura

18 de abril de 2014, 09h21

Adeus Gabo, o feiticeiro do conto

“O pior que pode me acontecer em um continente que não está acostumado a ter escritores de sucesso é publicar um romance que se vende como salsichas”, dizia Gabriel García Marquez sobre sua obra prima Cem anos de solidão


17 de abril de 2014, 17h37

Aos 87 anos, morre o escritor colombiano Gabriel García Márquez

Entre seus livros mais conhecidos, destacam-se Cem Anos de Solidão e O Amor nos Tempos do Cólera Por Redação, com informações da Agência Brasil Rodeado de parentes e amigos, morreu na tarde desta quinta-feira (17), na Cidade do México, o escritor colombiano Gabriel García Márquez. Ganhador do Prêmio Nobel de Literatura de 1982, o escritor e jornalista faleceu […]


16 de abril de 2014, 16h50

Quem tem medo de Otto?

O músico se sente uma persona non grata por causar um "ciúme irracional" e tem medo de suas certezas e composições. Só mesmo Otto para ter medo de Otto


16 de abril de 2014, 14h03

Bob Dylan inocentado de acusações de injúria e incitação ao ódio

Acusado de promover o ódio contra os croatas em uma entrevista, juíza francesa decide absolver o artista por declarações feitas à edição local da revista Rolling Stone


12 de abril de 2014, 19h43

House of Cards, retrato de nossa época?

Ao revelar dramaticamente como a política distanciou-se dos cidadãos, seriado retrata tempo em que vivemos e assume um certo caráter shakespeariano


12 de abril de 2014, 14h40

Eduardo Galeano: “Para mim, essa prosa da esquerda tradicional é pesadíssima”

Na Bienal de Brasília, escritor falou a respeito de sua obra mais famosa, As Veias Abertas da América Latina, e sobre o ofício da escrita. "Minha única ambição é ser um escritor capaz de reproduzir a esperança, a razão e a falta de razão deste mundo louco que ninguém sabe para onde vai"


11 de abril de 2014, 09h53

A palavra salva de Eliane Brum

Em novo livro, “Meus desacontecimentos”, a jornalista e escritora revisita sua infância e sua relação com a escrita Por Gabriel Fabri e Gabriela Boccaccio “Viver, Catarina, é rearranjar nossos cacos e dar sentido aos nossos pedaços, novos ou velhos.” Assim definiu Eliane Brum, após observar a reação de sua afilhada diante de uma garota de […]


10 de abril de 2014, 13h59

Um amor que não precisa ser à primeira vista

“Hoje eu quero voltar sozinho”, primeiro longa de Daniel Ribeiro, que estreia hoje nos cinemas, conta a história de um adolescente cego que se descobre gay


07 de abril de 2014, 20h53

Documentário resgata política, futebol e rock’n’roll na ditadura

'Democracia em Branco e Preto', de Pedro Asbeg, conta como o esporte nacional e a música participaram da redemocratização do Brasil


07 de abril de 2014, 18h17

Livro homenageia advogados que defenderam presos políticos

Obra reúne 161 criminalistas que atuaram na defesa da democracia durante os anos de chumbo


02 de abril de 2014, 10h00

O almanaque do golpe

Almanaques são menosprezados, alimento para cérebros preguiçosos. Mas algumas vezes fazem a radiografia de um ano inteiro, com panorâmica, como é o caso de Almanaque 1964 (fatos, histórias e curiosidades de um ano que mudou tudo – e nem sempre para melhor), de Ana Maria Bahiana


01 de abril de 2014, 16h46

As bichas e a ditadura militar

Durante o regime militar emergiram no Brasil o movimento LGBT e grupos de contracultura que, mesmo com o AI 5, rompiam com ordem binária dos gêneros no espaço público


23 de março de 2014, 12h07

O Alemão que perdeu a mão

Embora ambicioso, ao tratar conflito polícia versus crime sem maniqueísmos, filme de Belmonte não tem roteiro consistente. Por isso, apela e derrapa Por José Geraldo Couto, no blog do IMS, via Outras Palavras Mais que atual, Alemão, de José Eduardo Belmonte, é um filme urgente. Nisso reside sua força, mas decerto é também disso que resultam suas fragilidades. Seu “assunto” […]


22 de março de 2014, 07h32

Nebraska, de Alexander Payne: a fantasia do milhão de dólares

Na América profunda de Nebraska, fazer um milhão de dólares é uma fantasia de velhos decrépitos cujos neurônios estão à beira de se extinguir Por Léa Maria Aarão Reis, no Carta Maior Há uma ou talvez duas gerações atrás, um dos mitos da cultura americana era o do indivíduo que conseguia acumular um milhão de dólares. […]


18 de março de 2014, 09h24

Yzalú, a feminista negra da música periférica

Por Jarid Arraes, Quando um vídeo da artista de música periférica Yzalú viralizou pela primeira vez, houve muita comoção entre as integrantes dos movimentos feministas: a música “Mulheres Negras” – composta pelo Eduardo da Facção Central – serviu como uma espécie de bandeira musicada, trazendo em sua letra muitas pautas e reivindicações políticas, com uma […]