Imprensa livre e independente
09 de maio de 2016, 18h42

Da série “não existe racismo no Brasil”: Globo embranquece Saci do Internacional

Ao anunciar o título do Internacional do campeonato gaúcho, a RBS, afiliada da rede Globo na região, utilizou a imagem de um Saci branco no lugar do mascote tradicional do clube, que é fiel à figura do Saci da cultura popular brasileira: negro e com um cachimbo na boca. Imagem gerou revolta de torcedores nas redes sociais Por Redação A RBS, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Sul, vem sofrendo uma série de críticas por ter praticado o que torcedores e ativistas entendem como racismo. Ao anunciar, no fim da partida entre Internacional e Juventude, neste domingo (9),...

Ao anunciar o título do Internacional do campeonato gaúcho, a RBS, afiliada da rede Globo na região, utilizou a imagem de um Saci branco no lugar do mascote tradicional do clube, que é fiel à figura do Saci da cultura popular brasileira: negro e com um cachimbo na boca. Imagem gerou revolta de torcedores nas redes sociais

Por Redação

A RBS, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Sul, vem sofrendo uma série de críticas por ter praticado o que torcedores e ativistas entendem como racismo. Ao anunciar, no fim da partida entre Internacional e Juventude, neste domingo (9), a conquista do hexacampeonato estadual do colorado gaúcho, a emissora colocou na tela a imagem de um “Saci branco” no lugar do mascote tradicional do clube, que é um Saci negro, com um cachimbo na boca, conforme descrito no folclore brasileiro e na cultura popular.

Comparativo entre o Saci inventado pela RBS e o mascote tradicional do clube. (Reprodução)

Comparativo entre o Saci inventado pela RBS e o mascote tradicional do clube. (Reprodução)

“O saci é o único mascote negro dos clubes de futebol. Porque ele ficou branco na comemoração do hexa campeonato do meu colorado?”, escreveu, em seu Facebook, a deputada federal Manuela D’ávila (PCdoB-RS), que é torcedora do clube.

Veja também:  Glenn Greenwald provoca PSL e diz que está ‘pronto para ir para Brasília a qualquer minuto’

Pelo Twitter, internautas também criticaram.

Confira.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum