Imprensa livre e independente
13 de janeiro de 2019, 16h30

“Dá uma viradinha e pontua”: vídeo inédito reforça suspeitas sobre ‘facada’ em Bolsonaro

Canal "True or Not" divulgou um vídeo inédito que mostra um dos seguranças que estava entre Adélio e Bolsonaro dando uma instrução suspeita ao então candidato segundos antes da "facada": "Dá uma viradinha e pontua". Assista

O atentado contra Bolsonaro. Foto: Reprodução/Twitter
O canal do YouTube “True or Not”, responsável pelo documentário “A Facada no Mito”, que analisa imagens e levantas suspeitas sobre o atentado a faca contra Jair Bolsonaro em setembro do ano passado, apresentou  na sexta-feira (11) um vídeo inédito enviado por uma das pessoas que estavam na passeata em Juiz de Fora (MG) no momento do ocorrido. A nova análise traz outras evidências que reforçam a tese de que a ‘facada’ faria parte de algum tipo de esquema que poderia envolver, inclusive, a participação do próprio presidente eleito. Além das interações mais que suspeitas entre o esfaqueador, Adélio Bispo,...

O canal do YouTube “True or Not”, responsável pelo documentário “A Facada no Mito”, que analisa imagens e levantas suspeitas sobre o atentado a faca contra Jair Bolsonaro em setembro do ano passado, apresentou  na sexta-feira (11) um vídeo inédito enviado por uma das pessoas que estavam na passeata em Juiz de Fora (MG) no momento do ocorrido.

A nova análise traz outras evidências que reforçam a tese de que a ‘facada’ faria parte de algum tipo de esquema que poderia envolver, inclusive, a participação do próprio presidente eleito. Além das interações mais que suspeitas entre o esfaqueador, Adélio Bispo, que está preso, seguranças e o próprio Bolsonaro, o vídeo inédito capturou uma instrução estranha dada ao capitão da reserva por um segurança segundos antes da facada: “Dá uma viradinha e pontua”, disse o homem, que fazia um gesto com a mão.

Pouco antes, o mesmo homem, que estava perto de Adélio, diz: “Calma, cara. Agora não dá. Tem que ter paciência”.

Assista.

Veja também:  As manifestações não foram por Lula Livre, mas também podem ter sido

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum