14 de setembro de 2018, 19h23

Datafolha: Haddad sobe ainda mais, empata com Ciro e chega ao segundo lugar

Haddad foi o candidato que mais cresceu nas intenções de voto: tinha 9% e foi para 13%, empatando com Ciro Gomes (PDT), que manteve o mesmo índice da última pesquisa; Bolsonaro (PSL) subiu dois pontos e Marina (Rede) e Alckmin (PSDB) caíram

Reprodução/Facebook

Pesquisa Datafolha divulgada na noite desta sexta-feira (14) aponta que Fernando Haddad (PT) foi o candidato à presidência que mais cresceu nas intenções de voto. Ele tinha, no último levantamento, 9%, e agora está com 13% das intenções, mesmo índice de Ciro Gomes (PDT), que manteve os mesmos 13% na última pesquisa.

Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança com 26%. No levantamento anterior o militar da reserva tinha 24% das intenções de voto.

Marina Silva (Rede) foi a que mais caiu. Tinha 11% e agora tem 8%. Geraldo Alckmin (PSDB), por sua vez, tinha 10% e foi para 9%.

Confira, abaixo, como ficou o cenário para o primeiro turno entre os candidatos mais bem posicionados, de acordo com o Datafolha.

Jair Bolsonaro – tinha 24%, agora tem 26%

Fernando Haddad – tinha 9%, agora  tem 13%

Ciro Gomes – tinha 13%, agora tem 13%

Geraldo Alckmin – tinha 10%, agora tem 9%

Marina Silva – tinha 11%, agora tem 8%

 

Entre os demais candidatos, a nova pesquisa apontou os seguintes números:

 

Álvaro Dias (Podemos): 3%

Henrique Meirelles (MDB): 3%

João Amoêdo (Novo): 3%

Cabo Daciolo (Patriota): 1%

Guilherme Boulos (PSOL): 1%

Vera Lúcia (PSTU): 1%

João Goulart Filho (PPL): 0%

Eymael (DC): 0%

Branco/nulos: 13%

Não sabe/não respondeu: 6%

A pesquisa foi feita entre quinta (13) e sexta-feira (14), com 2.820 eleitores, e a margem de erro é de dois pontos, para mais ou para menos.

Confira aqui as simulações para segundo turno e taxas de rejeição.