18 de junho de 2018, 16h37

Debate entre pré-candidatos de esquerda abre o Salão do Livro Político em SP

Quarta edição do evento começa nesta segunda-feira (18) com a presença de pré-candidatos à presidência; livros terão descontos de até 50%. Confira a programação completa

Foto: PUC-SP/Divulgação

Começou nesta segunda-feira (18), em São Paulo, o IV Salão do Livro Político, evento que reúne mesas de debate, cursos e feira de livros organizado pelas editoras independentes Alameda Editorial, Editora Anita Garibaldi, Autonomia Literária e Boitempo, em parceria com a PUC-SP. Este ano, depois de homenagear Antonio Candido, o evento prestará homenagens à Marielle Franco, vereadora do PSOL assassinada em março.

A mesa de abertura, às 19h30, será composta por pré-candidatos à presidência no espectro da esquerda: Gleisi Hoffmann – representando Lula e o PT -, Guilherme Boulos (PSOL), Manuela D’Ávila (PCdoB) e Vera Lúcia (PSTU) já confirmaram presença. O debate, intitulado “O livro político dos candidatos e o Brasil do golpe”, será mediado pelo editor da Fórum, Renato Rovai.

Ao longo de quatro dias, o Salão do Livro Político contará ainda com mesas de debate e atividades ligadas aos mais variados assuntos, como eleições, política nacional, crise, censura, fakenews, protagonismo do judiciário, etc. Marxismo e bicentenário de Marx, a situação cubana e política no Oriente Médio também estarão na pauta. Para essas discussões, estão confirmados nomes como o do ex-ministro da Educação Fernando Haddad, o do ex-deputado José Genoino e intelectuais como José Luiz del Roio, Marcio Pochmann, Leda Paulani, Ricardo Antunes, Mauro Iasi, Marcelo Semer, Renan Quinalha, Edson Teles, Rafael Valim, Esther Solano, Gilberto Maringoni, Vladimir Safatle, Isabel Loureiro, João Quartim de Morais, além do jornalista e acadêmico Leonardo Sakamoto.

Para além das mesas de debate, a quarta edição do Salão do Livro Político oferecerá ao público o curso gratuito “A teoria da revolução”, com quatro aulas que abordam Marx, Lênin, Bakunin, Rosa Luxemburgo.

Na feira de livros as obras das editoras independentes serão vendidas com descontos de até 50%.

Confira a programação completa aqui.