Imprensa livre e independente
14 de fevereiro de 2018, 15h43

Depois de saia justa com Doria, Zeca Pagodinho esbanja descontração em foto com garis

O sambista se mostrou mais à vontade no sambódromo da Sapucaí, no Rio de Janeiro, do que em São Paulo, onde cantou em um camarote particular

No sambódromo do Rio de Janeiro, Zeca Pagodinho desceu para a posta e tirou fotos com um grupo de garis – Foto: Reprodução/Facebook O sambista Zeca Pagodinho se mostrou muito mais à vontade nos desfiles do sambódromo da Sapucaí, no Rio de Janeiro, do que em São Paulo, onde cantou em um camarote particular. Visivelmente contrariado com a presença do tucano João Doria, prefeito de São Paulo, no camarote, o cantor se recusava a tirar foto com o prefeito paulistano. Depois de muita conversa entre as duas assessorias, o cantor aceitou fazer uma foto com Doria, mas impôs uma condição: queria...

No sambódromo do Rio de Janeiro, Zeca Pagodinho desceu para a posta e tirou fotos com um grupo de garis – Foto: Reprodução/Facebook

O sambista Zeca Pagodinho se mostrou muito mais à vontade nos desfiles do sambódromo da Sapucaí, no Rio de Janeiro, do que em São Paulo, onde cantou em um camarote particular. Visivelmente contrariado com a presença do tucano João Doria, prefeito de São Paulo, no camarote, o cantor se recusava a tirar foto com o prefeito paulistano. Depois de muita conversa entre as duas assessorias, o cantor aceitou fazer uma foto com Doria, mas impôs uma condição: queria a presença do ex-jogador de futebol Amaral, do Palmeiras, na foto.

Já no Rio de Janeiro, Zeca Pagodinho chegou ao sambódromo para acompanhar o desfile da escola de samba Portela bem mais descontraído: com um copo de cerveja na mão e acenando para o público. Ao fazer uma foto com os garis da Sapucaí, Zeca se mostrou bem mais sorridente do que ao tirar a foto com o prefeito de São Paulo. Portelense apaixonado, o cantor desceu do camarote para prestigiar a escola. E foi ovacionado ao passar pela avenida.

Veja também:  O principal intérprete da crise brasileira

Com informações do Metrópole e do Brasil 247

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum