ASSISTA
17 de Março de 2018, 17h41

Deputado do DEM-DF diz que não se arrepende de ter divulgado fake news que ataca Marielle

Em reportagem da Band News, Aberto Fraga afirma que recebeu as informações pelas redes sociais, não apurou a veracidade do conteúdo, mas que não se arrepende da postagem

O deputado federal Aberto fraga (DEM-DF será alvo de uma representação no Conselho de Ética da Câmara – Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF), que será alvo de uma representação no Conselho de Ética da Câmara, depois de ter acusado a vereadora Marielle Franco (PSOL) de ter sido casada com o traficante Marcinho VP, ser usuária de drogas e de ter sido eleita pelo Comando Vermelho para se eleger, disse que não se arrepende de ter divulgado fake news.

Questionado pela reportagem da Band News, o deputado, que também é coronel da reserva, disse que recebeu as informações pelas redes sociais, não apurou a veracidade do conteúdo, mas que não se arrepende da postagem.