Blog do George Marques

direto do Congresso Nacional

24 de abril de 2019, 17h43

Congressistas se agridem após matéria sobre R$ 40 milhões para aprovar Previdência repercutir na Câmara

José Medeiros partiu pra cima de Aliel Machado e o chamou de "vagabundo" após pessebista repercutir matéria sobre compra de apoio político

Foto: Reprodução

Deputados federais saíram no braço na tarde desta quarta-feira (24) no plenário da Câmara dos Deputados após a repercussão de matéria da Folha sobre uma suposta decisão do governo de Jair Bolsonaro (PSL) de oferecer a deputados aumento nas emendas parlamentares em troca de votos pela Reforma da Previdência.

“O governo está ofertando cargos. O governo está acertando os deputados”, disse o deputado Aliel Machado (PSB-PR), que foi imediatamente chamado de “vagabundo” por José Medeiros (Podemos-MT). A segurança da Câmara teve que apartar a briga.

Segundo a reportagem, em reunião na casa do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS) ofereceu um extra de R$ 40 milhões em emendas parlamentares até 2022 a cada deputado federal que votar a favor da Reforma da Previdência no plenário da Câmara.

Veja abaixo o vídeo completo:

Veja também:  Manifestação pró-Bolsonaro usa caminhões do Exército para convocar população no Paraná

Fórum em Brasília, apoie a Sucursal

Fórum tem investido cada dia mais em jornalismo. Neste ano inauguramos uma Sucursal em Brasília para cobrir de perto o governo Bolsonaro e o Congresso Nacional. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Clique no link abaixo e faça a sua doação.

Apoie a Fórum