ASSISTA
16 de Abril de 2015, 13h34

Dia do Índio: Chico César canta no Congresso contra o agronegócio e a PEC 215

Em sessão na Câmara, cacique Raoni diz que os brancos estão acabando com as terras indígenas

Em sessão na Câmara, cacique Raoni diz que os brancos estão acabando com as terras indígenas

Por Redação

Na manhã desta quinta-feira (16), o cantor e compositor Chico César participou da sessão em homenagem ao Dia do Índio, no plenário da Câmara dos Deputados. Com sua canção, ele criticou o agronegócio, o desmatamento e o uso indiscriminado de agrotóxicos. César ainda chama os ruralistas de “pinóquios velhos”.

Na semana do Dia do Índio (19 de Abril), os indígenas lutam contra a aprovação da PEC 215/00, que transfere do Executivo para o Legislativo a decisão sobre a demarcação de terras indígenas. Já a abancada ruralista quer a aprovação.

Os povos indígenas realizam uma semana de Mobilização Nacional Indígena em todo o país com atos e encontros contra a PEC 215. O Acampamento Terra Livre (ATL) reúne mais de 1,5 mil indígenas em Brasília.

Na sessão, alguns deputados se colocaram contra a aprovação da proposta. “É um escândalo, uma vergonha, é uma afronta ao que existe de mais sagrado, que são os direitos e garantias individuais dos primeiros habitantes deste País. Também fere a separação de Poderes, por retirar atribuições do presidente da República!”, disse o deputado Alessandro Molon (PT-RJ).

A índia Sonia Guajajara, representante da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil, disse que é uma ameaça “grave e letal” contra os índios.

O cacique Raoni, líder da etnia caiapó, afirmou que os brancos estão acabando com as terras indígenas. “Aqui moravam os nossos ancestrais. Essa terra era dos nossos ancestrais. O Brasil foi invadido, e os brancos chegaram aqui acabando com nossas riquezas, estão matando todos os animais e estão acabando com nossa terra. Isso eu não gostei”, disse.

A ex-senadora, ex-ministra do Meio Ambiente e ex-candidata à Presidência Marina Silva disse que, se a PEC 215/00 for aprovada, nunca mais se criará uma terra indígena no País. Segundo ela, é uma “falácia” dizer que é mais democrático transferir para o Congresso a decisão sobre a demarcação de terras indígenas.

Ouça a música e Chico César abaixo, cantada nesta quarta-feira (15), no Acampamento Terra Livre.

(Com informações da Câmara)