Imprensa livre e independente
16 de março de 2016, 16h55

Dilma: há mais de 5 anos tentam me separar do ex-presidente Lula

Presidenta considera o antecessor um reforço para seu governo e diz que ele será importante por ser um hábil articulador

Presidenta considera o antecessor um reforço para seu governo e diz que ele será importante por ser um hábil articulador Da Redação Em sua primeira entrevista coletiva após o anúncio de que o ex-presidente Lula será ministro-chefe da Casa Civil, a presidenta Dilma Rousseff destacou, nesta quarta-feira (16/03), que ele terá papel importante na articulação do governo, devido à sua experiência e habilidade na articulação política. Para ela, as críticas à escolha vem de pessoas que não querem o fortalecimento de seu governo. Ela destacou que os compromissos do novo ministro são os mesmos de todo o governo, com a...

Presidenta considera o antecessor um reforço para seu governo e diz que ele será importante por ser um hábil articulador

Da Redação

Em sua primeira entrevista coletiva após o anúncio de que o ex-presidente Lula será ministro-chefe da Casa Civil, a presidenta Dilma Rousseff destacou, nesta quarta-feira (16/03), que ele terá papel importante na articulação do governo, devido à sua experiência e habilidade na articulação política. Para ela, as críticas à escolha vem de pessoas que não querem o fortalecimento de seu governo.

Ela destacou que os compromissos do novo ministro são os mesmos de todo o governo, com a estabilidade fiscal e a retomada do crescimento. A presidenta negou também as especulações sobre uma reforma ministerial, especialmente na parte econômica.

Segundo a presidenta, não haverá nenhuma disputa de poder entre ela e Lula. “Não existe isso entre a gente, somos duas pessoas que estão a serviço de um projeto para o Brasil”, afirmou. Ela destacou que teve um convívio diário de seis anos com o ex-presidente e garantiu estar muito feliz de voltar a trabalhar tão próxima a ele.

Veja também:  Ex-diretora da Anac no governo petista é cotada para substituir Levy no BNDES

Dilma também ironizou os textos de determinados colunistas políticos, que insistiam na tese de que havia um racha entre ela e o antecessor. “Há mais de 5 anos tentam me separar do presidente Lula”, afirmou.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum