29 de outubro de 2013, 13h15

Dilma se manifesta no Twitter contra assassinato de Douglas pela PM

"Assim como Douglas, milhares de outros jovens negros da periferia são vitimas cotidianas da violência", diz presidenta

“Assim como Douglas, milhares de outros jovens negros da periferia são vitimas cotidianas da violência”, diz presidenta Da Redação A presidenta Dilma Rousseff usou seu Twitter para manifestar solidariedade à família de  Douglas Rodrigues, de 17 anos, morto pela polícia, na Vila Medeiros, zona norte de São Paulo. O estudante estava em frente a um bar, quando uma viatura passou e, segundo seu irmão, atirou em Douglas.  “Ele ainda perguntou: ‘Senhor, por que o senhor atirou em mim?’ Nem ele sabe por que tomou um tiro”, disse a mãe da vítima.

“Assim como Douglas, milhares de outros jovens negros da periferia são vitimas cotidianas da violência”, diz presidenta

Da Redação

A presidenta Dilma Rousseff usou seu Twitter para manifestar solidariedade à família de  Douglas Rodrigues, de 17 anos, morto pela polícia, na Vila Medeiros, zona norte de São Paulo. O estudante estava em frente a um bar, quando uma viatura passou e, segundo seu irmão, atirou em Douglas.  “Ele ainda perguntou: ‘Senhor, por que o senhor atirou em mim?’ Nem ele sabe por que tomou um tiro”, disse a mãe da vítima.