AO VIVO
18 de setembro de 2007, 18h09

Dilma joga contra Conferência das Comunicações, diz Walter Pinheiro

O que o movimento social reivindica é uma conferência ampla e democrática, envolvendo todos os atores e sendo realizada desde os municípios

Por Renato Rovai

O deputado Walter Pinheiro (PT-BA) disse em conversa com o colaborador da Fórum João Freire, professor de jornalismo e editor do blog Mídia em Debate, que a ministra da Casa Civil Dilma Roussef é contrária a Conferência Democrática das Comunicações.

Walter Pinheiro é um petista que sempre esteve conectado com as ações do movimento social da área. Ele, em conjunto com os deputados Luiz Couto (PT-PB) e Luiza Erundina (PSB-SP), tem se destacado na luta pró-Conferência.

A entrevista de João Freire com Pinheiro aconteceu em meio ao encontro que o ministro das Comunicações Hélio Costa está realizando desde ontem e que vai até amanhã. Costa denominou esse evento de pré-Conferência, mas dele participam apenas empresários do setor.

O que o movimento social reivindica é uma conferência ampla e democrática, envolvendo todos os atores e sendo realizada desde os municípios. Ou seja, algo nos moldes de todas as outras conferências convocadas pelo executivo federal. Não um chá das seis entre empresários com o objetivo de aumentar o lucro e garantir mais concentração na área.

Nesse sentido, segundo João Freire, o discurso de ontem do ministro Franklin Martins foi bastante positivo. Ele teria dito, ao se dirigir ao ministro Hélio Costa, que considera fundamental que a Conferência que estaria sendo pré-lançada no evento tivesse a participação “de todos os setores e não apenas dos empresários da área”. Ponto para Franklin Martins.

Agora, surpreende a declaração de Walter Pinheiro em relação à posição da ministra Dilma. Como se trata da fala de um deputado da base aliada, caberia um esclarecimento por parte da assessoria da ministra. Por que Dilma é contra a Conferência? Qual o interesse dela em se posicionar em defesa da oligarquia da mídia comercial? Ou é falso o entendimento do deputado Pinheiro, histórico petista e o mais votado do partido nas últimas eleições? Com a palavra a assessoria da ministra.